Martín impõe ritmo e fica com pole-position do GP da Espanha da Moto2

O espanhol da KTM Ajo dominou a fase final da classificação em Jerez com a marca de 1min41s384. Jorge Navarro e Sam Lowes fecham a primeira fila

Jorge Martín é quem larga da pole-position no GP da Espanha de Moto2. Na quente tarde de sábado (18), em Jerez, o espanhol anotou o tempo de 1min41s384. O competidor da KTM Ajo dominou a segunda parte da tomada de tempos e obteve a marca no seu segundo giro rápido, jamais sendo alcançado pelos adversários. Jorge Navarro, 0s181 atrás, larga em segundo, com Sam Lowes completando a primeira fila.

Jorge Martín (Foto: Red Bull Content Pool)

Di Giannantonio domina Q1 para avançar de fase na classificação; Vierge, Syahrin e Roberts acompanham

A classificação da Moto2 aconteceu logo depois da MotoGP. Com sol e tempo ainda firme, o termômetro apontava 33ºC, com o asfalto chegando a 54ºC e humidade a 35%. O vento já soprava mais forte, a 18 km/h.

Com os primeiros giros completados, Hafizh Syahrin, Bo Bendsneyder, Stefano Manzi e Joe Roberts formaram o quarteto que, no momento, garantia as vagas para a fase final da tomada de tempos.

Mas não demorou muito para que Fabio Di Giannantonio se intrometesse e saltasse para a segunda posição. Enquanto isso, Fernández, Corsi, Lüthi, Bulega, Vierge, Ramírez, Chantra, Dalla Porta, Daniel, Ezdihar e Raffin definiam as posições.

O cronômetro seguia rodando e as coisas mudando no traçado andaluz. Quem vinha na primeira posição era Xavi, que logo foi superado pelo italiano da Speed Up, que anotou 1min41s913.

Com a bandeira quadriculada, as posições não mudaram na parte inicial da classificação. Com isso, quem garantiu vaga para o Q2 foi Di Giannantonio, Vierge, Syahrin e Roberts. Lüthi, Bulega, Corsi, Bendsneyder, Manzi, Fernández, Ramírez, Chantra, Dalla Porta, Izdihar, Raffin e Daniel fecharam o grid de largada.

Paddockast #70 | O QUE ESPERAR DA MOTOGP 2020?
Ouça também: PODCASTS APPLE | ANDROID | PLAYERFM

Martín impõe ritmo no Q2 para ficar com pole-position do GP da Espanha

Para o Q2, o quarteto se juntou a Schrotter, Martín, Bezzecchi, Marini, Nagashima, Lowes, Navarro, Canet, Pons, Bastianini, Dixon, Garzó, Baldassarri e Gardner para brigar pela pole-position.

Ainda nos primeiros minutos, Di Giannantonio sofreu um grande revés em sua sessão. O piloto caiu na curva 2 e a moto começou a pegar fogo, comprometendo seriamente a continuidade na parte final.

Enquanto isso, na ponta da tabela as coisas começavam a se desenhar. Martín tratou de cravar 1min41s384 para sustentar a pole provisória. Navarro vinha em segundo, mas logo tratou de ser superado por Lowes.

Com pouco mais de seis minutos para a bandeira quadriculada, a maior parte dos pilotos foi aos boxes. Nas primeiras colocações apareciam Martín, Lowes, Bezzecchi, Marini, Navarro e Vierge fechavam as duas primeiras filas.

Fase final da tomada de tempos e pouca coisa mudou na ordem dos tempos. Jorge sendo o nome a ser batido com 1min41s384. 0s181 mais lento, Navarro vem em segundo, com Lowes seguindo de perto o espanhol. Bandeira quadriculada e o piloto da KTM Ajo sai da pole.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO? Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.
Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.
Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube