Masià lidera primeiro dia de treinos do GP da Emília-Romanha da Moto3. Arenas é 12º

O piloto da Leopard anotou 1min41s663 para ser o mais rápido do dia e bater o recorde do circuito. Raúl Fernández e Celestino Vietti fecharam o top-3

Jaume Masià começou o final de semana do GP da Emília-Romanha da Moto3. Nesta sexta-feira (18), o piloto anotou o tempo de 1min41s663 no fim do segundo treino para liderar o primeiro dia de atividades e bater o recorde do circuito.

Quem vinha dominando as sessões era Raúl Fernández. O piloto da KTM Ajo foi o mais rápido do primeiro treino do dia e também vinha imbatível no TL2. Entretanto, viu o adversário da Leopard superar a marca em 0s299. Celestino Vietti fechou como o terceiro mais veloz.

Albert Arenas teve início de etapa bastante discreto. O atual líder da classificação não chegou a aparecer na parte da frente da classificação e fechou a sexta-feira apenas com o 12º melhor tempo, 0s647 mais lento que o ponteiro.

Jaume Masià, Moto3 2020, Misano
Masià bateu Fernández no fim (Foto: Reprodução)

Ainda nos primeiros minutos, Deniz Öncü levou uma queda na curva 9. A moto do turco arrastou pela caixa de brita antes de parar e apesar da tentativa de retomar a sessão, teve de voltar aos boxes.

Com 1min44s783, Raúl Fernández foi o primeiro a anotar uma volta rápida na sessão. Mas logo Jaume Masià bateu o espanhol ao fazer 1min43s662. Tony Arbolino e Filip Salac formaram os três primeiros do começo do treino.

Com o andar da sessão, nenhum piloto foi capaz de alcançar o piloto da Leopard, que baixou ainda mais sua marca para 1min42s819. 0s210 mais veloz que Filip Salac, o segundo, era o único na casa de 1min42s.

No 16º de 17 giros completados, Fernández voou em Misano, anotou 1min41s962 e terminou o primeiro treino livre da Moto3 na frente. O espanhol foi o único que girou em 1min41s. Jeremy Alcoba fechou a manhã em segundo, 0s164 mais lento. Dennis Foggia completou o top-3. Líder, Albert Arenas foi o oitavo.

A ação retomou em Misano e assim como no primeiro treino do dia, Fernández abriu a atividade com 1min43s044. Entretanto, logo viu Foggia saltar para a ponta com tempo 0s121 mais rápido. Pela primeira vez no fim de semana, Romano Fenati, seguindo, aparecia entre os primeiros.

O treino estava já em sua metade final quando Raúl sofreu um forte highside na curva 5 e foi lançado ao chão. Com apenas três voltas feitas, tinha o melhor tempo da parte da tarde com 1min42s551. Tony Arbolino, que vinha em segundo, era apenas 0s025 mais lento, com Davide Pizzolli em um surpreendente terceiro posto.

Nos tempos combinados, o piloto da KTM Ajo também era o mais rápido, mas com o tempo anotado no primeiro treino. Apenas Arbolino, John McPhee, Pizzolli, Max Kofler, Kunii, Sergio García, Öncü e Ricardo Rossi melhoraram em relação ao TL1.

Bandeira quadriculada em Misano e com 1min41s663, Jaume Masià foi o mais rápido da sessão. O piloto da Leopard foi seguido por Celestino Vietti, com Tatsuki Suzuki, Andrea Migno e Fernández completando os cinco mais rápidos. Albert Arenas, líder, fechou em décimo.

Nos tempos combinados, Masià também se colocou na ponta da tabela batendo a antiga marca em 0s299. O espanhol da Ajo foi o segundo mais rápido do dia, com Celestino completando o top-3.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube