Mesmo com mudanças, Ajo segue em Moto3 e Moto2 com apoio de KTM e Red Bull

Apesar da saída da KTM da Moto2 e da entrada da Tech3 na Moto3 como parceira da marca austríaca, a aliança com a escuderia de Aki Ajo segue intocada

Apesar das muitas mudanças anunciadas pela KTM nos últimos dias, a aliança com a equipe de Aki Ajo segue intocada. A parceria tem como objetivo desenvolver jovens pilotos em Moto3 e Moto2.
 
Nos últimos três anos, Ajo, KTM e Red Bull foram parceiras na Moto2, onde conquistaram, inclusive, o Mundial de Equipes no ano passado. Foi por meio da estrutura finlandesa que Miguel Oliveira e Brad Binder garantiram o salto para a MotoGP, por exemplo.
 
Na Moto3, a aliança tem resultados ainda mais expressivos, com 33 vitórias, dois títulos e dois vice-campeonatos.
Equipe de Aki Ajo vai continuar na Moto3 e na Moto2 (Foto: KTM/ Gold and Goose)
Paddockast #28
INTERROGANDO Flavio Gomes: O Boto do Reno

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

Mesmo com a saída da KTM, a Ajo vai seguir na Moto2 em 2020, contando com Jorge Martín, que já defende as cores do time, e Iker Lecuona. A Ajo, no entanto, vai precisar de um pacote diferente para a temporada 2020.
 
“Estou muito feliz por ter um projeto tão forte preparado para o próximo ano na classe intermediária”, disse Ajo. “Jorge Martín e Iker Lecuona são, sem dúvida, dois grandes jovens talentos”, frisou.
 
“Nós passamos três anos trabalhando junto com a KTM e a Red Bull na Moto2, conquistamos um grande sucesso juntos, e é por isso que é importante continuar com uma colaboração tão próxima”, defendeu. “Nós também somos bem entusiasmados em dizer que teremos um pacote forte para a temporada 2020 para trabalhar com nossos jovens talentos e desenvolvê-los com a meta de que saltem para a MotoGP”, seguiu.
 
E, apesar de a Tech3 ter anunciado a mudança para a Moto3 em parceria com a KTM e a Red Bull, a aliança das duas marcas com a Ajo segue também na classe menor.
 
“A mesma coisa na Moto3, onde continuamos nossa cooperação com a KTM e a Red Bull, e o trabalho de preparar jovens talentos para a MotoGP, especialmente agora que a KTM vai colocar ainda mais foco no desenvolvimento técnico da MotoGP e da Moto3”, considerou. “Com o novo foco e estratégia, nós temos como meta as posições top em ambas as categorias, incluindo o projeto da Moto3, onde desenvolvemos futuros talentos nos últimos anos. Agora daremos o próximo passo e voltaremos à briga pelo Mundial”, garantiu.
 
Diretor-esportivo da KTM, Pit Beirer reforçou que a KTM segue comprometida em desenvolver jovens talentos e celebrou a manutenção de uma parceria que considera bem sucedida.
 
“Na nossa corrida de casa na Áustria, nós anunciamos uma estratégia revista com a principal manchete de que renovamos nosso compromisso com a MotoGP por outros cinco anos (sete a partir de agora). Esse é um comprometimento muito grande com a MotoGP e também com a Moto3”, comentou Beirer. “Nossa meta principal ― ser um parceiro confiável para jovens e promissores pilotos no caminho da Red Bull Rookies Cup para a MotoGP por meio dos nossos times e nossa orientação ― permanece intocada. Nós estamos realmente felizes em ver jovens talentos como Jorge Martín e Iker Lecuona na nossa Academia KTM de MotoGP para seguirem pilotos como Miguel Oliveira e Brad Binder”, seguiu.
 
“Para este projeto, nós estamos contando fortemente com nosso parceiro de longa data Aki Ajo e seu time. A KTM vai continuar a apoiá-lo em seu caminho, com a diferença de que estamos saindo da Moto2 como fabricante de chassi”, indicou. “Com este passo, nós sublinhamos um comprometimento ainda mais forte com a Moto3, onde dependemos completamente da nossa própria moto, e direcionamos muito esforço para fechar a lacuna para levar nosso projeto da MotoGP ao sucesso absoluto. Com este realinhamento, temos de expressar gratidão a Aki Ajo e toda sua equipe por uma grande parceria. Estamos ansiosos para continuar uma bem sucedida parceria de longa data”, concluiu.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube