Morbidelli fala em fazer “tudo do jeito certo” na entrada na MotoGP e traça meta para 2018: “Ser o melhor estreante”

Estreante na MotoGP, Franco Morbidelli estabeleceu como meta para 2018 ser o melhor entre os cinco novatos. Piloto da Marc VDS não escondeu a ansiedade pela primeira prova na classe rainha do Mundial de Motovelocidade

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Franco Morbidelli não esconde a ansiedade pela estreia na MotoGP na temporada 2018 da MotoGP. Campeão da Moto2, o italiano de Roma vai disputar neste fim de semana, no Catar, sua primeira prova na divisão principal, assim como Tom Lüthi, Takaaki Nakagami, Xavier Siméon e Hafizh Syahrin.
 
Às vésperas do GP em Losail, Morbidelli falou em “fazer tudo do jeito certo” em sua primeira corrida e destacou que é importante partir do ponto onde terminou os testes coletivos no Catar.
Franco Morbidelli colocou como meta ser o melhor estrente de 2018 (Foto: Marc VDS)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

“Tenho uma boa sensação. Estou ansioso para o meu primeiro fim de semana na MotoGP”, disse Morbidelli. “Eu realmente quero curtir, trabalhar bem com o time, ser muito preciso. Na verdade, fazer tudo do jeito certo”, seguiu.
 
“Não tenho nenhuma expectativa em particular, mas vai ser importante começar onde terminamos o teste, reiniciando com um atraso similar em relação aos ponteiros e os pilotos top da Honda”, apontou. “Depois disso, seria bom melhorar meu ritmo e também algumas coisas no acerto”, indicou.
 
Um dos cinco debutantes do ano, Franco não fez segredo de que está de olho no rótulo de melhor novato.
 
“Um objetivo deste ano é, claro, ser o melhor estreante. Estou me ajustando junto com vários colegas de classe da Moto2, então, claro, a meta é ser mais forte que os seus colegas, esse é um objetivo que vem por si só. Com certeza, vou dar tudo para atingi-lo”, avisou. “Talvez a MotoGP mude o equilíbrio entre os novatos, mas temos um ótimo pacote, então estamos prontos para lutar”, completou.
 
Companheiro do #21 na Marc VDS, Tom Lüthi também se mostrou ansioso para o GP do Catar e falou em encarar as primeiras provas do ano como “um teste estendido”.
 
“Estou muito empolgado para estrear na MotoGP neste fim de semana. Chegou mais cedo do que eu estava esperando, com o tempo entre o meu primeiro teste com a Honda RC213V em Sepang parecendo voar muito rápido”, considerou o suíço. “Depois de três testes e nove dias a bordo de uma moto da MotoGP, tenho algumas expectativas, mas ainda preciso de muito mais”, reconheceu. 
 
“Embora esteja feliz por finalmente começar a temporada, minha primeira na classe rainha, sei que ainda tenho muitas coisas para aprender e preciso usar essas primeiras corridas mais como um teste estendido, para ganhar mais experiência com a moto e com os pneus”, ponderou. “Esse processo começa neste fim de semana no Catar”, finalizou.

Aos 39 anos, Rossi acelera para se afastar da aposentadoria na MotoGPAo provar que Ducati pode vencer, Dovizioso mira concluir o que iniciouLorenzo vai para segundo ano na Ducati tentando recuperar performance

"VOCÊ TEM DE RESPEITAR"

EMOÇÃO GENUÍNA DE BARRICHELLO É EXEMPLO DE MOTIVAÇÃO

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube