Nagashima segura Fernández e dita ritmo no TL1 da Moto2 em Misano. Márquez é 8º

Tetsuta Nagashima cravou 1min38s504 para assegurar a liderança do primeiro treino da Moto2 em San Marino. 0s088 mais lento, Augusto Fernández ficou com a segunda colocação, com Remy Gardner em terceiro. Líder do Mundial, Álex Márquez fez o oitavo registro

Tetsuta Nagashima colocou a SAG no topo da folha de tempos da primeira sessão de treinos livres da Moto2 para o GP de San Marino e da Riviera de Rimini. O #45 mostrou um bom ritmo ao longo de toda a sessão desta sexta-feira (13).
 
Em uma manhã ensolarada, Nagashima aproveitou a penúltima de suas 20 voltas em 1min38s504 e assegurou a liderança com 0s088 de margem para Augusto Fernández, que impediu uma dobradinha da SAG em sua última volta. Mais 0s166 atrás, Remy Gardner acabou em terceiro.
Tetsuta Nagashima (Foto: Reprodução)
Marco Bezzecchi surpreendeu e colocou a Tech3 na quarta colocação, encerrando a sequência de KTM na ponta. Mais 0s150 atrás, Niccolò Bulega foi o quinto, escoltado por Xavi Vierge e Lorenzo Baldassarri.
 
Líder do Mundial, Álex Márquez teve algumas de suas voltas canceladas por exceder os limites da pista e acabou em oitavo, 0s578 atrás do ponteiro. Tom Lüthi e Sam Lowes fecham o top-10.

O GP de San Marino e da Riviera de Rimini de Moto2 está marcado para o domingo, às 7h20 (de Brasília). Acompanhe aqui a cobertura do GRANDE PRÊMIO.

    Paddockast #33
    10 ANOS DE SECA BRASILEIRA NA F1

    Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

    Saiba como foi o treino livre 1 da Moto2 em Misano:
     
    Com o sol brilhando no céu de Emilia-Romagna, a temperatura só fez aumentar nesta manhã. Quando os pilotos entraram na pista para o primeiro treino da Moto2, os termômetros marcavam 26°C, com o asfalto chegando a 31°C. A velocidade do vento era de 2 km/h.
     
    Antes mesmo de marcar tempo, Brad Binder sofreu uma queda feia na curva 15. Mesmo dolorido, o sul-africano se levantou rápido e correu para uma área mais segura.
     
    Enquanto isso, Tom Lüthi cravou 1min40s786 e se instalou na liderança, 0s223 à frente de Iker Lecuona. Xavi Vierge tinha o terceiro tempo.
     
    Alex Márquez logo tomou a ponta, assegurando a melhor marca com 1mn39s082, 0s005 melhor que Lüthi, o segundo colocado. Tetsuta Nagashima era o terceiro, seguido por Sam Lowes e Lecuona. 
     
    Com 1min38s888, Nagashima tomou a ponta, 0s194 melhor que Márquez. Lüthi caiu para terceiro, seguido por Di Giannantonio, Lowes, Vierge, Bastianini, Navarro, Bulega e Fernández.
    Depois de uma passagem pelos boxes, Sam Lowes, que no ano que vem vai defender as cores da Marc VDS, assumiu o quarto posto, 0s355 mais lento que Nagashima. Vierge vinha logo atrás, seguido por Bastianini, Di Giannantonio, Navarro, Bulega e Fernández.
    Com pouco mais de dez minutos para o fim da sessão, Márquez cravou 1min38s872 e retomou a liderança, 0s016 melhor que Nagashima. A marca do #73, porém, foi cancelada por exceder os limites da pista na curva 15, devolvendo a ponta ao piloto da SAG.
     
    Vierge, então, foi a 1min39s052 e saltou para o segundo posto, 0s164 mais lento que Nagashima.
    Remy Gardner apareceu na sequência para cravar 1min38s758 e tomar a ponta do companheiro de SAG por 0s130. Vierge era terceiro, com Baldassarri agora aparecendo em quarto.
     
    Em sua penúltima volta, Nagashima deu o troco em Remy e virou 0s254 melhor. Na sequência, Fernández foi 0s088 mais lento que o #45 para ficar com o segundo posto.
     
    Marco Bezzecchi saltou para a quarta colocação na última de suas 18 voltas, derrubando Márquez para a quinta posição, à frente de Bulega e Vierge.
     

    Previsão do tempo para Rimini
    GP de San Marino Rimini

    !function(d,s,id){var js,fjs=d.getElementsByTagName(s)[0];if(!d.getElementById(id)){js=d.createElement(s);js.id=id;js.src=’https://weatherwidget.io/js/widget.min.js’;fjs.parentNode.insertBefore(js,fjs);}}(document,’script’,’weatherwidget-io-js’);


     
    Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

    O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

    Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.

    GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

    Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

    Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

    Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube