Nakagami afasta favoritos e ponteia com sobras primeiro treino da Moto2 na Austrália. Morbidelli é 4º, com Lüthi em 6º

Takaaki Nakagami exibiu um ritmo dominante na manhã desta sexta-feira (20) e liderou o primeiro treino livre da Moto2 em Phillip Island com 0s6 de vantagem para Mattia Pasini. Miguel Oliveira ficou com o terceiro posto, à frente de Franco Morbidelli. Tom Lüthi foi apenas sexto

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Takaaki Nakagami exibiu um ritmo dominante na primeira sessão de treinos livres da Moto2 em Phillip Island. Com a melhor de suas 19 voltas em 1min33s313, o nipônico garantiu o topo da tabela com 0s673 de margem para Mattia Pasini, o segundo colocado.
 
Já 0s806 atrás do ponteiro, Miguel Oliveira assegurou o terceiro posto, 0s087 à frente de Franco Morbidelli, que empatou com Dominique Aegerter em 1min34s206.
Takaaki Nakagami foi o mais rápido em Phillip Island (Foto: Team Tady/Facebook)
0s922 mais lento que o líder, Tom Lüthi fez o sexto melhor tempo, seguido por Simone Corsi, Álex Márquez, Lorenzo Baldassarri e Fabio Quartararo.
 
Saiba como foi o primeiro treino da Moto2 em Phillip Island:
 
Com o sol aparecendo entre nuvens em Phillip Island, a Moto2 encontrou condições perfeitas para o primeiro treino do fim de semana. Quando o cronômetro foi aberto, os termômetros marcavam 15°C, com a pista chegando a 29°C. A velocidade do vento era de 6 km/h.
 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

Vencedor do GP do Japão, Álex Márquez começou a sessão no topo da tabela, mas logo viu Tom Lüthi assumir a ponta, 0s220à frente de Franco Morbidelli, o segundo colocado.
 
Ainda nos primeiros minutos da sessão, Remy Gardner sofreu uma queda sem maiores consequências na curva dez. Pouco depois, Luca Marini caiu na 11, enquanto Sandro Cortese foi ao chão também na dez.
 
Com 1min34s235, Lüthi se manteve no topo, agora formando uma dobradinha suíça com Aegerter. Morbidelli era terceiro, à frente de Nakagami e Márquez.
 
O #21, então, tratou de respondeu ao avanço do #12 e saltou para a segunda colocação, 0s114 atrás de Tom. Pouco depois, o piloto da Marc VDS reduziu para 0s022 a margem de Lüthi.
 
Completado o primeiro terço da sessão, os pilotos partiram para os boxes em busca de ajustes. O top-10 era formado por Lüthi, Morbidelli, Corsi, Aegerter, Pasini, Oliveira, Márquez, Nakagami, Schrotter e Baldassarri.
 
Minutos mais tarde, Nakagami apertou o passo e se instalou em segundo, apenas 0s010 mais lento que Lüthi. Morbidelli caiu para terceiro.
 
Pouco depois, Nakagami chegou a 1min34s009 e assumiu a ponta, à frente de Pasini, Lüthi e Morbidelli. O líder do Mundial, então, apertou o passo e saltou para o segundo lugar, 0s197 atrás do ponteiro.
 
Vendo a aproximação dos rivais, Nakagami baixou para 1min33s488, ampliando para 0s718 a margem em relação a Morbidelli e Aegerter, que estavam empatados em 1min34s206. Pasini e Lüthi fechavam o top-5.
 
Oliveira, então, pulou para segundo, mas sem conseguir reduzir muito da vantagem de Nakagami, que, aliás, melhorou mais uma vez para alcançar 1min33s337.
 
O #30 não parou e, emendando uma volta rápida atrás da outra, abriu 0s817 de margem ao registrar 1min 33s313.
 
Com o cronômetro zerado, ninguém conseguiu parar Nakagami, que fechou a sessão no topo da tabela, 0s6 à frente de Pasini, Oliveira, Morbidelli, Aegerter e Lüthi aparecem na sequência.

Moto2, GP da Austrália, Phillip Island, 1º Treino Livre:
1 30 TAKAAKI NAKAGAMI JAP TEAM TADY Kalex 1:33.313  
2 54 MATTIA PASINI ITA ITALTRANS Kalex 1:33.986 +0.673
3 44 MIGUEL OLIVEIRA POR RED BULL KTM AJO 1:34.119 +0.806
4 21 FRANCO MORBIDELLI ITA MARC VDS Kalex 1:34.206 +0.893
5 77 DOMINIQUE AEGERTER SUI KIEFER Suter 1:34.206 +0.893
6 12 THOMAS LÜTHI SUI INTERWETTEN Kalex 1:34.235 +0.922
7 24 SIMONE CORSI ITA SPEED UP 1:34.268 +0.955
8 73 ÁLEX MÁRQUEZ ESP MARC VDS Kalex 1:34.284 +0.971
9 7 LORENZO BALDASSARRI ITA FORWARD Kalex 1:34.355 +1.042
10 40 FABIO QUARTARARO FRA PONS Kalex 1:34.476 +1.163
11 2 JESKO RAFFIN SUI INTERWETTEN Kalex 1:34.525 +1.212
12 23 MARCEL SCHROTTER ALE INTACT Suter 1:34.696 +1.383
13 42 FRANCESCO BAGNAIA ITA VR46 Kalex 1:34.703 +1.390
14 49 AXEL PONS ESP RW Kalex 1:34.723 +1.410
15 97 XAVI VIERGE ESP TECH3 Mistral 610 1:34.762 +1.449
16 41 BRAD BINDER RSA RED BULL KTM AJO 1:34.781 +1.468
17 19 XAVIER SIMÉON BEL TASCA Kalex 1:35.071 +1.758
18 57 EDGAR PONS ESP PONS Kalex 1:35.147 +1.834
19 37 AUGUSTO FERNÁNDEZ ESP SPEED UP 1:35.170 +1.857
20 11 SANDRO CORTESE ALE INTACT Suter 1:35.182 +1.869
21 55 HAFIZH SYAHRIN MAL RACELINE Kalex 1:35.210 +1.869
22 9 JORGE NAVARRO ING GRESINI Kalex 1:35.493 +2.180
23 5 ANDREA LOCATELLI ITA ITALTRANS Kalex 1:35.559 +2.246
24 87 REMY GARDNER AUS TECH3 Mistral 610 1:35.867 +2.554
25 32 ISAAC VIÑALES ESP SAG Kalex 1:35.870 +2.557
26 27 IKER LECUONA ESP INTERWETTEN Kalex 1:36.113 +2.800
27 10 LUCA MARINI ITA FORWARD Kalex 1:36.166 +2.853
28 62 STEFANO MANZI ITA VR46 Kalex 1:36.197 +2.884
29 89 KHAIRUL IDHAM PAWI ESP TEAM TADY Kalex 1:37.027 +3.714
30 45 TETSUTA NAGASHIMA ITA SAG Kalex 1:37.060 +3.747
31 6 TARRAN MACKENZIE ING KIEFER Suter 1:37.866 +4.553
             
RECORDE ALEX DE ANGELIS RSA FORWARD Speed Up 1:32.814 172.5 km/h
MELHOR VOLTA TITO RABAT ESP MARC VDS Kalex 1:32.470 173.1 km/h
             
    Condições do tempo   PISTA SECA   ar: 15ºC | pista: 29ºC

RITMO DE FESTA

PADDOCK GP CHEGA À EDIÇÃO 100 COM HISTÓRIAS IMPERDÍVEIS DE EDGARD MELLO FILHO

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height:
0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute;
top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube