Nakagami surpreende no fim e lidera TL2 do GP da Andaluzia. Zarco é segundo

O segundo treino livre em Jerez de la Frontera teve protagonistas improváveis, com Takaaki Nakagami aparecendo nos instantes finais para comandar a atividade desta sexta-feira (24) com 1min37s715

LEIA TAMBÉM
SUPER-HERÓIS DE CARNE E OSSO: os retornos mais impressionantes do Mundial

O segundo treino livre para o GP da Andaluzia teve protagonistas improváveis. No forte calor do verão espanhol, Takaaki Nakagami aproveitou os minutos finais da atividade vespertina desta sexta-feira (24) para vencer um duelo com Johann Zarco pela ponta da tabela.

Com 1min37s715 na última de suas 21 voltas, Nakagami colocou a LCR na ponta com 0s155 de margem para Johann Zarco, que ficou com o segundo posto. Mesmo com uma queda, Pol Espargaró colocou a KTM na terceira colocação.

Takaaki Nakagami (Foto: Reprodução)

0s295 mais lento que o líder, Franco Morbidelli acabou em quart, escoltado por Maverick Viñales e Fabio Quartararo. Joan Mir ficou com o sétimo posto.

Na última de suas 23 voltas, Valentino Rossi avançou para a oitava colocação, 0s577 atrás do ponteiro. Francesco Bagnaia e Jack Miller completam um top-10 coberto por 0s670.

Destaque entre os novatos no GP da Espanha, Brad Binder virou em 1min38s441 e ficou em 11º, 0s001 mais rápido do que Andrea Dovizioso. Danilo Petrucci aparece na sequência, acompanhado por Tito Rabat, Miguel Oliveira, Aleix Espargaró e Iker Lecuona.

Único representante do time de fábrica da Honda na pista nesta sexta ― já que Marc Márquez só vai entrar amanhã ―, Álex Márquez acabou em 18º, 1s091 atrás do ponteiro.

Voltando de cirurgia no fraturado escafoide esquerdo, Cal Crutchlow ficou em 19º, 1s132 atrás do companheiro de LCR. Também lesionado, Álex Rins foi 20º, com Bradley Smith fechando a lista de participantes.

Saiba como foi o segundo treino da MotoGP em Jerez:

Assim como na semana passada, a tarde espanhola contou com forte calor, mas nada que impedisse o desenrolar do TL2. Na primeira passagem por Jerez, os pilotos não conseguiram baixar os tempos registrados na manhã na sessão vespertina. Será que aconteceria o mesmo?

Com 1min38s761, Pol Espargaró abriu a sessão no topo da tabela, 0s497 melhor que Valentino Rossi. Danilo Petrucci era o terceiro, à frente de Johann Zarco e Joan Mir.

Na sequência, Brad Binder foi a 1min38s441 e assumiu o comando, 0s121 melhor que Fabio Quartararo, o segundo colocado. Francesco Bagnaia agora era o terceiro.

Pouco depois, Johann Zarco foi a 1min38s201 para assumir a ponta, mas acabou caindo na curva 6 logo depois. Enquanto o francês escapava ileso, Quartararo foi 0s056 mais rápido e assumiu o comando.

Quartararo, que logo foi castigado pela nova interpretação do regulamento de bandeiras amarelas, se manteve na ponta com 1min38s132, com Pol aparecendo 0s063 mais lento que ocupar a segunda colocação. Zarco caiu para terceiro, seguido por Viñales, Bagnaia, Binder, Morbidelli, Rossi e Nakagami.

Depois de uma passagem pelos boxes, Joan Mir voltou para a pista com um par de pneus novos ― duro na frente e macio atrás ― e saltou para a segunda colocação, 0s012 mais lento que Quartararo. Viñales também tinha melhorado e era o terceiro.

Com pouco menos de 20 minutos para o fim da sessão, Pol Espargaró foi a 1min37s889 e assumiu o comando, 0s243 melhor que Quartararo. Logo em seguida, o catalão escapou na curva 2 e caiu, evitando por pouco contato com Zarco, que vinha lento pela pista, apesar de estar fora da linha rápida.

Depois de uma última passagem pelos boxes, os pilotos voltaram para a pista para tentar baixar tempo. Com 1min38s010, Morbidelli saltou para o segundo lugar, cortando para 0s121 a vantagem de Pol.

Pouco antes, Quartararo levou uma sacudida ao colocar as duas rodas na M1 na grama da curva 10. O vencedor do GP da Espanha, porém, se manteve na moto e seguiu adiante na sessão

0s097 mais lento que Franco, Viñales avançou para a terceira colocação, com Quartararo caindo para quarto. Mir vinha em quinto, seguido por Zarco, Nakagami, Bagnaia, Binder e Rabat.

Com um pneu dianteiro duro novo, Zarco virou 1min37s948 e saltou para a segunda colocação, 0s059 mais lento que Pol. No giro seguinte, o francês brevemente se colocou na ponta, mas logo foi superado por Nakagami 0s034 melhor.

Já com a bandeira quadriculada tremulando em Jerez, o #30 baixou ainda mais, chegando a 1min37s715, 0s155 melhor que Zarco.

GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do GP da Andaluzia, terceira etapa do Mundial de Motovelocidade 2020.

MotoGP 2020, GP da Andaluzia, Jerez, treino livre 2

1T NAKAGAMILCR Honda1:37.715 
2J ZARCOAvintia Ducati1:37.870+0.155
3P ESPARGARÓKTM1:37.889+0.174
4F MORBIDELLISRT Yamaha1:38.010+0.295
5M VIÑALESYamaha1:38.107+0.392
6F QUARTARAROSRT Yamaha1:38.132+0.417
7J MIRSuzuki1:38.144+0.429
8V ROSSIYamaha1:38.292+0.577
9F BAGNAIAPramac Ducati1:38.309+0.594
10J MILLERPramac Ducati1:38.385+0.670
11B BINDERKTM1:38.441+0.726
12A DOVIZIOSODucati1:38.442+0.727
13T RABATAvintia Ducati1:38.543+0.828
14D PETRUCCIDucati1:38.557+0.842
15M OLIVEIRATech3 KTM1:38.642+0.927
16A ESPARGARÓAprilia Gresini1:38.722+1.007
17I LECUONATech3 KTM1:38.768+1.053
18A MÁRQUEZHonda1:38.806+0.977
19C CRUTCHLOWLCR Honda1:38.847+1.132
20A RINSSuzuki1:39.101+1.386
21B SMITHAprilia Gresini1:39.476+1.761
 M MÁRQUEZHonda1:38.229+0.514
Paddockast #71 | A VOLTA DA STOCK CAR COM BUENO E ABREU
Ouça também: PODCASTS APPLE | ANDROID | PLAYERFM

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO? Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.
Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.
Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube