Primeiro espanhol campeão da classe rainha, Crivillé é eternizado em Barcelona e entra na lista de lendas da MotoGP

Alex Crivillé foi homenageado nesta sexta-feira (3), em Barcelona, e entrou para a lista de Lendas da MotoGP. Ex-piloto foi o primeiro nascido na Espanha a conquistar o título da classe rainha do Mundial de Motovelocidade

A lista de Lendas da MotoGP ganhou um novo integrante nesta sexta-feira (3). Primeiro espanhol campeão no Mundial de Motovelocidade, Alex Crivillé foi eternizado pela Dorna, a promotora do Mundial de Motovelocidade, e introduzido no Hall da Fama do certame horas antes do acidente que tirou a vida de Luis Salom.
 
Crivillé estreou no Mundial em 1987 correndo na extinta 80cc, marcando um segundo posto logo em sua prova de estreia. Em 1989, Alex deu o salto para as 125cc e, de cara, conquistou o título da categoria.
Alex Crivillé recebeu de Carmelo Ezpeleta a medalha de Lenda da MotoGP (Foto: Divulgação/MotoGP)
Nas 250cc, o piloto de Barcelona viveu dois anos difíceis, mas a chegada às 500cc em 1992 trouxe de volta as boas atuações. Em Assen, Crivillé se tornou o primeiro espanhol a vencer uma corrida da classe rainha.
 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

Depois de dois bons anos com a Pons, Alex passou a defender a equipe de fábrica da Honda, dividindo as atenções com Mick Doohan, com quem teve algumas incríveis batalhas.
 
Em 1999, Crivillé acumulou 267 pontos ao longo de corridas e se tornou o primeiro piloto nascido na Espanha a colocar seu nome na Torre dos Campeões da MotoGP, quebrando uma hegemonia norte-americana e australiana. Entre 1994 e 2001, Alex conquistou um total de 47 pódios, incluindo 14 vitórias.
 
Com a homenagem desta sexta, Crivillé se tornou o 23º piloto a ser introduzido na lista de Lendas, que já conta com Giacomo Agostini, Mick Doohan, Geoff Duke, Wayne Gardner, Mike Hailwood, Daijiro Kato, Eddie Lawson, Anton Mang, Angel Nieto, Wayne Rainey, Phil Read, Jim Redman, Kenny Roberts, Jarno Saarinen, Kevin Schwantz, Barry Sheene, Marco Simoncelli, Freddie Spencer, Casey Stoner, John Surtees, Carlo Ubbialli e Nicky Hayden.
 
“Eu só gostava de pilotar motos. Meu sonho não era ser piloto, porque eu era muito jovem. Mas aí meu irmão me disse: ‘Você tem habilidade para pilotar moto. Talvez no futuro você possa ser um piloto’”, contou. “Acho que um dos melhores momentos da minha carreira foi quando eu voltei para casa, e tinham milhares e milhares de pessoas celebrando o meu título. Naquele momento, eu fui como uma lenda”, seguiu.
 
“Quero dizer obrigado à Dorna por todo o trabalho deles ao longo do ano. Estou muito feliz. É ótimo estar entre os melhores pilotos da história”, comemorou. “É muito bom conquistar isso em nada, na frente dos meus amigos e família. Depois de conquistar o título em 99, acho este é o melhor momento. Não há palavras para expressar o que estou sentindo agora”, completou.
 
“Agora é quase normal que um espanhol ganhe uma coroa, mas, na época, foi incrível”, recordou.
Alex Crivillé foi campeão das 500cc em 1999 (Foto: Repsol)
Diretor-executivo da Dorna, Carmelo Ezpeleta celebrou a chegada de Crivillé ao rol das lendas e destacou que o espanhol e Valentino Rossi são os únicos pilotos a terem os titulas das 125cc e das 500cc.
 
“Pessoalmente e para todos que trabalham na MotoGP, é um grande prazer ter Crivillé como uma Lenda da MotoGP”, começou. “Alex começou no campeonato antes de nós, mas eu o conheço há muitos, muitos anos. Ele sempre dá o melhor e é uma pessoa que nunca desiste”, comentou.
 
“Junto com Valentino Rossi, ele é a única pessoa que venceu os títulos das 125cc e das 500cc”, lembrou. “É ótimo estar aqui, esperamos o ano todo por isso. Eu e a Dorna estamos muito orgulhosos por dar este prêmio a Alex. Ele é um ícone no mundo todo”, concluiu.
PADDOCK GP #31 DEBATE F1, INDY E NASCAR

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube