Gardner leva melhor em duelo com Raúl Fernández e vence GP da Catalunha de Moto2

Remy Gardner novamente apareceu nas voltas finais para superar o companheiro Raúl Fernández e liderar a dobradinha da Red Bull KTM Ajo, dessa vez no GP da Catalunha. Xavi Vierge surpreendeu e fechou o pódio na terceira posição

Miguel Oliveira recorreu à torcida para conseguir uma bandeira de Portugal (Foto: MotoGP)

A grande pergunta que todos se fazem na Moto2 é: alguém consegue parar a dupla da Red Bull KTM Ajo? Em Barcelona, a equipe conseguiu mais uma dobradinha. Assim como na última corrida, em Mugello, Remy Gardner ultrapassou o companheiro Raúl Fernández nas voltas finais do GP da Catalunha para garantir outra vitória no campeonato e ampliar a vantagem na liderança do certame para 11 pontos.

Xavi Vierge foi a grande surpresa do dia. Correndo em casa, o espanhol conseguiu o primeiro pódio na Moto2, terminando a corrida em Barcelona na terceira posição após superar Marco Bezzecchi.

Remy Gardner venceu novamente na Moto2 (Foto: Red Bull Content Pool)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

Augusto Fernández ficou em quinto, seguido por Bo Bendsneyder, Sam Lowes, Marcel Schrotter e Somkiat Chantra. Jor Roberts fechou o top-10 no GP da Catalunha.

A MotoGP volta às pistas no próximo dia 20 de junho, para a disputa do GP da Alemanha, em Sachsenring, oitava etapa da temporada 2021. Acompanhe a cobertura do GRANDE PRÊMIO sobre o Mundial de Motovelocidade.

Saiba como foi o GP da Catalunha de Moto2:

Em um fim de semana de programação alterada por conta da Fórmula 1, a Moto2 foi a última das classes tradicionais a entrar na pista. Assim como Moto3 e MotoGP, a divisão do meio encontrou pista seca apesar das muitas nuvens no céu, com a temperatura na casa dos 26°C e o asfalto chegando a 40°C. A velocidade do vento estava em 13 km/h.

No grid, a escolha de pneus foi praticamente uniforme, com dianteiro duro e traseiro macio. A exceção foi Kemith Kubo, que colocou a versão mais macia do pneu dianteiro.

Na largada, Gardner conseguiu manter a ponta, com Raúl Fernández apenas brevemente perdendo o segundo lugar para Bo Bendsneyder. Xavi Vierge vinha em quarto, seguido por Augusto Fernández.

A largada da Moto2 no GP da Catalunha (Vídeo: MotoGP)

Ainda na volta inicial, Bendsneyder lançou um novo ataque em cima de Raúl, mas a manobra na curva 5 não foi duradoura, já que o espanhol deu o troco mais uma vez. Com a briga, Remy aproveitou para abrir uma folguinha.

Raúl logo conseguiu descontar parte da vantagem do companheiro de equipe, mas sem se livrar de vez de Bo. Vierge vinha em quarto, com Marco Bezzecchi em quinto.

Na volta 5, enquanto Raúl ia colando em Remy, a distância em relação a Bendsneyder era cada vez maior, beirando os 0s7. Vierge vinha em quarto, ainda tentando escapar de Bezzecchi.

Dois giros depois, Arón Canet cai na curva 5 e abandonou a disputa em Barcelona. Pouco depois, foi Marcos Ramírez quem caiu, agora na curva 1. O espanhol escapou da pista e acabou tombando antes do muro.

Remy Gardner vinha escoltado por Raúl Fernández na Catalunha (Vídeo: MotoGP)

Na ponta, Fernández ia sombreando Gardner, sem atacar, mas também sem se afastar. Bendsneyder, por outro lado, ia ficando para trás, com Vierge e Bezzecchi tentando chegar.

Na volta 12, Raúl tratou de passar Gardner e assumir o comando na Catalunha, mas não se livrou de cara do companheiro de Red Bull KTM Ajo. Ao menos de imediato.

Atrás dos ponteiros, as coisas também iam um pouco paradas, já que Bendsneyder não chegava, mas tampouco era atacado pro Vierge, que já tinha encostado. Bezzecchi, por sua vez, não vinha assim tão junto.

Raúl Fernández tomou a liderança de Remy Gardner com 11 voltas para o fim (Vídeo: MotoGP)

Depois de alguma demora, Vierge tomou a terceira colocação de Bendsneyder, mas já com 1s de atraso para Gardner. Pouco depois, o holandês perdeu a quarta colocação para Bezzecchi.

Com quatro voltas para o fim, Raúl recebeu um alerta para respeitar os limites da pista. O espanhol seguia pressionado de perto por Gardner na Catalunha. No giro seguinte, o australiano conseguiu o troco na entrada da curva 1 e logo abriu um pouquinho de vantagem na ponta.

Na reta final da disputa, Lorenzo Dalla Porta e Ai Ogura caíram em momentos e pontos diferentes e encerraram mais cedo a corrida.

Com duas para o fim, Di Giannantonio e Héctor Garzó caíram juntos e terminaram irritados um com o outro na área de escape da curva. Foi o piloto da Pons que tocou a traseira da Gresini.

Moto2 2021, GP da Catalunha, Barcelona, Corrida:

1R GARDNERRed Bull KTM Ajo Kalex38:22.28422 voltas
2R FERNÁNDEZRed Bull KTM Ajo Kalex+1.872 
3X VIERGESIC Kalex+2.866 
4M BEZZECCHIVR46 Kalex+3.207 
5A FERNÁNDEZMarc VDS Kalex+3.899 
6B BENDSNEYDERRW NTS+4.541 
7S LOWESMarc VDS Kalex+4.875 
8M SCHROTTERIntact Kalex+15.973 
9S CHANTRATeam Tady Kalex+17.515 
10J ROBERTSAmerican Kalex+19.838 
11J NAVARROSpeed UP+20.571 
12A ARENASAspar Speed Up+22.512 
13T ARBOLINOIntact Kalex+22.558 
14C VIETTIVR46 Kalex+23.238 
15T LÜTHIIntact Kalex+23.958 
16S CORSIForward MV Agusta+25.099 
17N BULEGAGresini Kalex+31.344 
18J DIXONSIC Kalex+37.129 
19C BEAUBIERAmerican Kalex+37.895 
20H SYAHRINAspar Speed Up+38.438 
21A LÓPEZSpeed UP+40.247
22B BALTUSRW NTS+40.674 
23L BALDASSARRIPONS Kalex+40.784 
24S MANZIForward MV Agusta+48.588 
25P BIESIEKINSKIIntact Kalex+49.640 
26K KUBOVR46 Master Camp+49.694
27H GARZÓPONS KalexAbandonou 
28F DI GIANNANTONIOSpeed UPAbandonou 
29A OGURATeam Tady KalexAbandonou 
30L DALLA PORTAItaltrans KalexAbandonou 
31M RAMÍREZAmerican KalexAbandonou 
32A CANETAspar Speed UpAbandonou 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar