Rossi aponta coisas “boas e ruins” em moto de 2020: “Esperávamos mais”

Valentino Rossi teve seu primeiro contato com a moto de 2020 da Yamaha. No teste coletivo realizado nesta segunda-feira (5) em Brno, o italiano apontou que o protótipo tem coisas boas e ruins, mas ressaltou que esperavam mais e que há muito trabalho a ser feito

A MotoGP realizou nesta segunda-feira (5) um teste coletivo em Brno. Aproveitando a oportunidade, a Yamaha levou um protótipo de 2020 e após o treino, Valentino Rossi admitiu que esperava mais.
 
Pela primeira vez nos últimos anos, a equipe japonesa usou a moto da próxima temporada no tradicional treino de verão na Tchéquia. Quem ficou com a tarefa de testá-la foi o italiano, que ainda usou um novo motor.
 
Na tabela final de tempos, o #46 terminou na sexta colocação, com uma marca 0s4 inferior a de Fabio Quartararo, que liderou a sessão e usava a atual M1. 

Rossi com o protótipo de 2020 (Foto: Reprodução)

O piloto evitou fazer grandes avaliações do protótipo, mas admitiu que esperava um passo maior da moto. “Foi um bom dia, um bom teste porque trabalhamos muito e encontramos algumas coisas boas”, apontou.
 

“Tentamos também o protótipo da nova moto, mas sinceramente não temos muita coisa nova. É um moto diferente e ajustes diferentes do chassi, mas é apenas o primeiro contato e é bom que já o tenhamos”, seguiu.
 
“[A nova moto] tem algumas coisas boas, algumas ruins. Esperávamos muito mais, mas sabemos – porque é apenas a primeira vez – que podemos ter algo a mais no próximo teste na segunda metade da temporada”, continuou.
 
“Tentamos ter mais aderência, especialmente na traseira. Então tentamos alguns ajustes diferentes porque o resto da moto é o mesmo. Encontramos algumas coisas melhores, outras piores, brigamos um pouco com o wheelie. Então temos muito trabalho a fazer”, concluiu.
 
Paddockast #27
Schumacher e Vettel: UNIDOS POR UM RECORDE

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube