Yamaha anuncia caso de Covid-19 em engenheiro e põe outros cinco em isolamento

Entre os funcionários colocados em isolamento e que irão perder o GP da França, está Takahiro Sumi, líder do projeto YZR-M1

Em momento importante da temporada da MotoGP, a Yamaha terá equipe desfalcada no fim de semana do GP da França. Após uma pessoa testar positivo para o novo coronavírus, ela e outros cinco funcionários que estiveram em contato próximo foram colocados em isolamento e não viajaram para Le Mans.

Todas as seis pessoas fazem parte da equipe de engenharia da equipe japonesa e um deles é Takahiro Sumi, líder do projeto da YZR-M1.

Em comunicado, a fábrica explicou que, por conta das restrições de viagens internacionais causadas pela pandemia, funcionários da equipe estão alocados em Andorra durante a temporada. Ainda segundo a Yamaha, um dos funcionários testou positivo na terça-feira, enquanto os outros cinco testaram negativo na sequência do teste PCR. Os resultados foram confirmados por novos testes realizados no dia seguinte.

Valentino Rossi, Yamaha, MotoGP 2020, Portimão, Teste
Valentino Rossi e a Yamaha terão desfalque na França (Foto: Yamaha)

Como os seis viajavam juntos, foram colocados em isolamento igualmente. Portanto, nenhum deles partiu em direção a Le Mans, todos se isolaram. Os nomes dos outros engenheiros não foram divulgados.

“Takahiro Sumi e os outros cinco engenheiros seguirão em contato com o estafe da equipe presente em Le Mans usando as novas ferramentas de comunicação que a equipe vem usando desde a retomada da temporada. Este novo sistema de comunicação permite a conexão remota entre a equipe, os pilotos e quem estiver nos boxes durante cada sessão de pista. Graças a essa solução, os engenheiros que estão isolados seguirão compartilhando o conhecimento que têm”, afirmou a Yamaha.

Ainda segundo a fábrica japonesa, o engenheiro afetado não demonstrou sintomas e seguirá sendo monitorado nos próximos dias. A situação será revista daqui uma semana antes da viagem para a etapa de Aragão, na Espanha.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Confira a classificação do Mundial de Motovelocidade.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube