Tarso Marques fecha com Stange e disputa 8 corridas da Nascar em 2022

Tarso Marques fechou com a Team Stange e vai disputar oito provas da temporada 2022 da Nascar Cup Series. Paranaense vira apenas o terceiro brasileiro a correr na categoria

HAAS SEM MAZEPIN. E FITTIPALDI? + TESTES DA FÓRMULA 1 NO BAHREIN | Paddock GP #277

Ex-Fórmula 1 e Indy, Tarso Marques vai encarar um novo desafio na carreira. O piloto paranaense foi anunciado pela Team Stange e participará de etapas da temporada 2022 da Nascar Cup Series. A confirmação veio na manhã desta terça-feira (8).

Aos 46 anos, Marques é mais conhecido pela passagem na Fórmula 1. O piloto representou a Minardi em 24 corridas em 1996, 1997 e 2001. Seu melhor resultado na categoria foi o 9º lugar nos GPs do Brasil e do Canadá de 2001. Ele também teve passagem na Indy pela antiga CART, disputando provas por Penske e Dale Coyne em 1999, 2000, 2004 e 2005.

A Stange confirmou a participação de Marques em oito corridas da temporada 2022, a maioria delas em circuitos mistos. A estreia do paranaense acontece no dia 3 de julho, na prova no circuito de Road America, em Elkhart Lake, no Wisconsin.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

O carro #79 de Tarso Marques (Foto: Divulgação/Stange)

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

LEIA MAIS: Pirelli se antecipa e determina gama de pneus para primeiros três GPs de 2022

Tarso se torna apenas o terceiro brasileiro a disputar provas na Cup Series, a principal divisão na Nascar. O primeiro foi Christian Fittipaldi, que disputou provas pela Petty Enterprises e a Andy Petree Racing entre 2002 e 2003, além de Nelsinho Piquet, que correu uma etapa em 2014 pela Randy Humphrey Racing.

Em 2021, Tarso esteve em situação complicada por conta da Covid-19. O piloto foi internado e chegou a ter 85% do pulmão comprometido. “Os três, quatro primeiros dias no hospital foram aquele terror. Você está ali praticamente morto. Vai te destruindo inteiro, é tanto remédio – a cada três horas vinha uma bandeja com injeção, corticoide. Fiquei nove dias sem dormir, usava oxigênio no limite”, disse em entrevista à revista Caras.

“E acontecia uma coisa atrás da outra – estômago dói, vem uma alergia do nada nas pernas, ainda estou cheio de manchas, fiquei soluçando por dois dias inteiros, tive uma dor de cabeça infernal. O vírus vai atacando cada hora em um lugar. Parece que ele não desiste. E nesta noite achei que ia morrer, cheguei a fazer testamento. Fiquei assim mais dois dias. Quando comecei a melhorar, à noite tinha medo de que aquela melhora era um alarme falso”, completou.

A Nascar retorna no próximo domingo (13) com a quarta etapa da temporada, no oval de Phoenix.

FÓRMULA 1 2022: POR QUE O PESO DOS CARROS SE TORNOU UM PROBLEMA?
Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar