Collet abandona após incidente e vê Martins vencer na F-Renault Eurocup em Ímola

Caio Collet sofreu um duro golpe nas suas pretensões de título. O brasileiro acabou sendo vítima de um toque envolvendo David Vidales e Franco Colapinto, sendo acertado pelo carro do espanhol. Para piorar, Victor Martins, adversário direto do brasileiro na luta pela taça, venceu a corrida

No sábado, a glória; no domingo, o amargo revés. Caio Collet vivenciou um fim de semana de sentimentos extremos, do júbilo ao lamento. Na abertura da antepenúltima rodada dupla da temporada 2020 da Fórmula Renault Eurocup, como preliminar da Fórmula 1, em Ímola, o brasileiro venceu a corrida de sábado pela R-ace GP. Neste domingo (1), contudo, a sorte do piloto de 18 anos virou: Caio largou em segundo, colocou o carro lado a lado com o líder, Victor Martins, mas acabou sendo vítima de um incidente entre David Vidales e Franco Colapinto.

Colapinto, que vinha em terceiro, lutava por posição com o espanhol. Vidales se chocou com o adversário e saiu da pista. Na volta, acertou o carro de Collet, que não teve alternativa e encerrou ali, no comecinho, sua participação na corrida, por conta dos danos na suspensão traseira direita. Foi o fim de um recorde de 34 corridas consecutivas na categoria com o brasileiro na zona de pontuação.

Siga o GRANDE PRÊMIO nas redes sociais:
YouTube | Facebook | Twitter Instagram | Pinterest | Twitch | DailyMotion

CAIO COLLET; FÓRMULA RENAULT EUROCUP; ÍMOLA;
No domingo, o brasileiro amargou um duro revés nas suas pretensões de título (Foto: Renault Sport DPPI)

Para piorar, Martins manteve a dianteira até o fim e venceu depois de 19 voltas no circuito italiano com o carro da ART Grand Prix. Colapinto terminou na segunda colocação, enquanto Hadrien David completou o pódio, confirmando a MP Motorsport em segundo e terceiro. Vidales abandonou a prova pouco depois.

O brasileiro lamentou a má sorte deste domingo depois da conquista no sábado.

“Foi uma pena. A classificação foi boa, mas, como ontem, faltou usar um pouquinho melhor os pneus. Mesmo assim, fiz uma boa largada e estava bem rápido na metade da primeira volta. Nosso carro estava muito bom, como ontem. Acredito que tínhamos boas chances de brigar pela vitória”, disse o brasileiro.

“Consegui atacar muito bem, e o único ponto de ultrapassagem seria o final da reta, mas nem cheguei lá. Acontece. São coisas que fogem do nosso controle”, lastimou Caio.

CAIO COLLET; FÓRMULA RENAULT; ÍMOLA;
Caio Collet venceu no sábado em Ímola na Fórmula Renault Eurocup (Foto: Renault Sport DPPI)

“Mas, no geral, fiquei feliz com o meu fim de semana. Foi cheio de emoções, correndo junto com a F1. De um dia para o outro, mudou bastante, mas vamos continuar lutando. Ainda faltam quatro corridas e vamos seguir brigando até o fim”, completou o piloto vinculado à Renault Sport Academy.

Martins, com a vitória neste domingo, agora soma 282 pontos e está 33 à frente de Collet. Ao todo, 100 tentos ainda estão em jogo em razão de quatro corridas a serem disputadas. A próxima rodada dupla vai ser disputada já no próximo fim de semana, nos dias 7 e 8, em Hockenheim, na Alemanha, e as corridas derradeiras do campeonato estão marcadas para 14 e 15 de novembro em Paul Ricard, na França.

Ouça os programas do GRANDE PRÊMIO no formato de podcast:
Anchor | Apple | Spotify | Google | Pocket Cast | Radio Public | Breaker

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube