Porsche

Iorio diz que boa largada no Velo Città fez grande diferença em “uma das corridas mais difíceis que já tive”

Matheus Iorio fechou o sábado (1) no Velo Città com uma grande vitória. Entretanto, o piloto reconheceu que o triunfo conquistado em Mogi Guaçu veio após uma das corridas mais difíceis que já correu em sua carreira

Warm Up, de Mogi Guaçu / NATHALIA DE VIVO, do Velo Città
Matheus Iorio fez sua estrela brilhar na corrida 2 da classe 3.8 da Porsche Cup. Neste sábado (1), no Velo Città, o piloto garantiu a vitória em Mogi Guaçu em uma das provas mais difíceis de sua carreira.
 
Para a disputa da parte da tarde em Mogi Guaçu, o #34 largou da sexta colocação. Entretanto, ainda nos primeiros instantes conseguiu se colocar entre as primeiras colocações do pelotão. Depois da interferência do safety-car, o piloto aproveitou a relargada para assumir a ponta e dali não sair mais.
Matheus Iorio (Foto: Reprodução)
A prova ainda foi marcada por grande pressão de Enzo Elias em cima de Iorio. Ao GRANDE PRÊMIO, um dos vencedores do Junior Program admitiu que “foi uma das corridas mais difíceis que eu já tive dentro de carro de corrida”.
 
“Até mesmo de fórmula, se for contar todas, essa foi uma das mais difíceis. Faltava velocidade para mim, no final de semana inteiro acho que faltou um pouco”, seguiu.
 
“Mas acho que consegui me aproveitar bem do grid invertido, pular para frente logo no começo, isso fez uma grande diferença. Deu tudo certo e trouxe mais uma vitória”, encerrou o piloto.