Metge leva primeira etapa do Sertões 2021 nas motos e Marcos Baumgart lidera nos carros

A edição 2021 do Sertões teve sua primeira especial realizada neste sábado (14). Na disputa das motos e dos carros, os vencedores foram os mesmos do prólogo. Reinaldo Varela foi o mais rápido do dia nos UTVs, enquanto Marcelo Medeiros venceu a disputa nos quadriciclos

Takamoto Katsuta, da Toyota, sofreu forte acidente neste sábado no Rali da Bélgica (Vídeo: WRC)

Etapa 1Tibau do Sul (RN) a Patos (PB)
Deslocamento inicial: 82,8 km
Trecho de especial: 235,1 km
Deslocamento final: 98,1 km
Percurso total: 415,9 km

A 29ª edição da história do Sertões teve a sua primeira especial disputada neste sábado (14). E trouxe, ao menos nas tradicionais disputas das motos e dos carros, os mesmos vencedores do prólogo de sexta-feira. Adrien Metge, da Yamaha, foi o grande nome nas duas rodas, enquanto o atual campeão da prova dos carros, Marcos Baumgart, iniciou bem a defesa do título ao lado do navegador Kleber Cincea a bordo da Toyota Hilux IMA 2021 da equipe X Rally.

A especial foi de passagem pelo Seridó rumo a Patos, na Paraíba. O percurso de 235 km de trecho cronometrado foi predominantemente sinuoso, estreito e com muitas pedras do início ao fim, cheia de saltos e com uma pequena parte desafiadora, de muito trial, que impôs muita dificuldade sobretudo em termos de pilotagem, já que os competidores praticamente não tiveram trechos de reta, que são usados para descansar um pouco a musculatura em uma prova da intensidade que é o Sertões.

ADRIEN METGE; YAMAHA; SERTÕES; DIA 1; MOTOS;
Adrien Metge mantém a Yamaha na frente na disputa das motos no Sertões (Foto: Yamaha Brasil/Twitter)

O resultado da competição das motos neste sábado foi mais um reflexo do que vem por aí: uma batalha feroz entre Yamaha e Honda pelo título. Enquanto Metge completou o percurso em 4h25min38s1, Gregório Caselani, da Honda, terminou em segundo, 45s atrás do líder.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

Túlio Malta, também da Yamaha, foi o terceiro, seguido pelo heptacampeão Jean Azevedo, em quarto, e Ricardo Martins, o atual campeão, levando a terceira moto da Yamaha ao grupo dos cinco primeiros colocados de uma disputa que começou com 66 motos na largada em Tibau do Sul.

Já na competição dos carros, Marcos Baumgart e Kleber Cincea travaram outro grande duelo com Cristian Baumgart e Beco Andreotti. Melhor para os atuais campeões do Sertões, que venceram a etapa de abertura da prova com 4h16min11ss e, consequentemente, estão na liderança da prova com 55s5 de vantagem para os colegas de equipe.

Sylvio de Barros e Rafael Capoani, com outro Toyota Hilux IMA 2021 da X Rally, concluíram a especial em terceiro. A grande surpresa foi a presença de Carlos Ambrósio, a bordo de um buggy V8 da Giaffone Racing, em quarto lugar no resultado extraoficial. Ao lado do navegador Luiz Afonso Poli, o piloto que também milita na Porsche Cup ficou à frente de Dan Nacif e Marco Túlio Lana, os dois a bordo de outro buggy V8 da Giaffone Racing.

MARCOS BAUMGART; KLEBER CINCEA; X RALLY; RALI DOS SERTÕES; SERTÕES; DIA 1;
Marcos Baumgart e Kleber Cincea lideram entre os carros no Sertões (Foto: Magnus Torquato/Fotop)

A disputa nos quadriciclos se resume a somente três pilotos. Depois do prólogo vencido pelo argentino Manuel Andújar, atual campeão do Dakar, a primeira etapa teve como vitorioso o maranhense Marcelo Medeiros, deixando para trás Andújar e o polonês Rafal Sonik, campeão do Sertões em 2010 e do Dakar em 2015. Na tabela que compreende também as motos, Medeiros foi o sexto colocado em uma tabela com 64 competidores.

Entre os UTVs, a categoria mais parruda do Sertões 2021, Reinaldo Varela e Gunnar Dums seguem na frente depois da vitória no prólogo. A dupla deixou uma forte concorrência para trás em um dia dominado pela Can-Am, que ocupou de forma integral a lista dos dez primeiros.

João Valentim e Henrique Correia ocupam agora a segunda posição da classe depois da especial deste sábado, enquanto o experiente João Franciosi, ao lado de Cesar Valandro, ficou em terceiro. A dupla campeã, composta por Denísio Casarini e Ivo Mayer, concluiu a especial em quarto, enquanto Guilherme Benchimol e Daniel Spolidorio concluíram a relação dos cinco mais rápidos do dia nos resultados extraoficiais.

A segunda etapa do Sertões 2021 vai ser disputada neste domingo e ligará as cidades de Patos, na Paraíba, e Araripina, em Pernambuco. Trata-se de um percurso total exigente, de 511 km, sendo 20,76 km de deslocamento inicial, 249 km de trecho cronometrado e nada menos que 241,17 km de deslocamento final.

POR QUE VETTEL SE TORNOU O PILOTO MAIS NECESSÁRIO À F1 | GP às 10

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar