Campos adia matemática e pensa em “fazer corrida atacando bastante”

Sexto colocado no grid para a etapa final da temporada 2019 da Stock Car, Julio Campos falou em atacar bastante para brigar pela vitória em Interlagos. O piloto da Prati segue vivo na briga pelo título, mas tem 52 pontos de atraso para Daniel Serra

Julio Campos vai em busca da vitória na etapa final da temporada 2019 da Stock Car. Com 52 pontos de atraso para Daniel Serra na classificação do campeonato, o piloto da Prati prefere focar no topo do pódio e deixar a matemática para depois.
 
Com 1min38s604 em sua melhor volta na classificação deste sábado (14), Julio ficou com o sexto posto no grid, 0s802 mais lento que Marcos Gomes, o dono da pole.
Denis Navarro, Júlio Campos, Thiago Camilo (Cauê Moalli/Grande Prêmio)
Paddockast #46
OS 10 MELHORES PILOTOS DA DÉCADA

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

“Acabou que o Q3 foi muito ruim”, admitiu Julio. “A gente tinha carro ali até, a gente tem acesso aos dados de comparação com os dados do Camilo, e, assim, eu estava quase 0s01 mais rápido do que ele até a Junção, onde acabei dando uma errada grande, aí perdemos uns 0s07, 0s08 naquela última curva. Então, putz, era para ter largado pelo menos em segundo ou terceiro. É uma pena mesmo não estar largando nessas posições”, lamentou. 
 
Campos explicou que a Prati adotou a estratégia de sair para a classificação com tanque no máximo. 
 
“E a gente largou, logicamente por estar disputando o campeonato, a gente está cheio, né, cheio, cheio, cheio, temos gasolina até… saímos com gasolina no máximo que podia”, explicou. “Então agora é ver quanto que vai precisar amanhã, provavelmente de dez a 12 litros, alguma coisa assim, e fazer uma corrida atacando bastante para tentar ganhar e depois só fazer a matemática”, seguiu.
 
“A ideia é larga bem, tentar ganhar a corrida e, realmente, a gente precisa de um final de semana muito ruim do Daniel, praticamente uma quebra, então é fazer uma corrida legal, a gente pode chegar em segundo, terceiro, ou ganhar o campeonato, mas, primeiro, tem que ganhar a corrida para depois pensar em alguma outra coisa”, encerrou.
 

A decisão da Stock Car será em Interlagos será no próximo domingo (15), com corrida única, mas de pontuação dobrada, a partir de 10h10, e terá cobertura completa do GRANDE PRÊMIO ‘in loco’ com os repórteres Felipe Noronha, Pedro Henrique Marum, Juliana Tesser e Cauê Moalli. Acompanhe a cobertura.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar