Chefe assume estratégia que faz Serra líder quase sem vencer: “O campeonato permite”

A RC Eurofarma chega à decisão da Stock Car em Interlagos não só com o título por equipes garantido, mas com líder e vice-líder entre pilotos. Ou seja: se tem alguém que entendeu o regulamento da categoria em 2019, esse é Rosinei Campos, o chefe

Se o regulamento da Stock Car permite que quem não vença brigue pelo título, a RC Eurofarma foi a equipe que entendeu melhor tal situação. Não só já garantiu o título por equipes, como vai para a decisão em Interlagos com líder e vice-líder entre os pilotos.

Assim, se Daniel Serra e Ricardo Maurício são os favoritos ao título, é preciso entender o que pensa sobre o regulamento o chefe da dupla, Rosinei Campos, o Meinha. Afinal, é ele quem pensa na estratégia que até aqui se mostra a correta.

Ao GRANDE PRÊMIO, então, ele assumiu que seus pilotos não entram necessariamente para vencer as corridas – e, sim, o campeonato. 

"A categoria, o formato permite isso. Porque você tem que fazer a somatória de pontos, então nem sempre ganhar – a gente busca ganhar – mas quando não dá, a gente faz a melhor estratégia de pontos para fazer o maior número de pontos no final de semana – e é isso que tem acontecido", afirmou Meinha.

Rosinei Campos, o 'Meinha' (Foto: Duda Bairros/Vicar)

Ele utilizou Serra como exemplo – o líder do campeonato só venceu uma prova em 11 etapas, na abertura no Velopark. Mas fez coisas que seus rivais não conseguiram, como ir em duas etapas ao pódio nas duas corridas.

"Foram duas etapas neste ano em que ele fez dois terceiros. Dois pódios. Isso dá 40 pontos. Se você ganhar corrida 1 você faz 30 – se andar muito mal na outra, você faz menos pontos que dois terceiros. Então o campeonato, o formato, permite isso."

"Então trabalhamos visando o campeonato – não que a gente não corra para ganhar, mas é que ganhar é difícil. A segunda corrida depende muito de estratégia, de pneus, abastecimento, uma série de coisas. Mas ganhar a primeira é muito difícil. O Thiago [Camilo], por exemplo, de ótimo desempenho neste ano, ganhou mais corridas, porém teve mais dificuldade com a segunda, ficou sem pontuar. E isso atrapalha bastante no campeonato", concluiu o chefe dos líderes.

Serra entra na final com 334 pontos, 18 a mais que Maurício. Camilo tem 305 e, tal como Rubens Barrichello, Felipe Fraga e Júlio Campos, mantém as chances de título na decisão.

A decisão da Stock Car será em Interlagos, no dia 15 de dezembro, com corrida única, mas de pontuação dobrada, e terá cobertura completa do GRANDE PRÊMIO ‘in loco’.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube