Corrida de Duplas e falta de novas praças: pilotos falam da Stock Car 2020

A Stock Car divulgou o calendário para a temporada 2020, com a volta da Corrida de Duplas sendo uma das grandes novidades. Os pilotos aproveitaram para falar das etapas definidas, comemoraram o retorno da corrida com convidados e lamentaram a falta de novas praças

A temporada 2019 da Stock Car ainda não acabou, mas 2020 já começa a ganhar seus primeiros traços. A principal categoria brasileira divulgou o calendário para o próximo ano e alguns pilotos aproveitaram para dar seus pitacos.
 
Entre as grandes novidades do campeonato está o retorno da Corrida de Duplas. Com a primeira edição acontecendo em 2014, não foi realizada nesta temporada, mas retorna como a abertura do próximo ano.
 
Além disso, praças já bastante conhecidas tanto dos competidores quanto do público estão de volta, como Velo Città, Goiânia, Interlagos, que recebe a Corrida do Milhão e a final, Londrina e Santa Cruz do Sul, por exemplo.
 
Com as datas e etapas já em mãos, os pilotos aproveitaram para falar ao GRANDE PRÊMIO suas primeiras impressões. Cesar Ramos foi um dos que comentou, dizendo que “achei muito bom, isso é bom para a categoria. Ainda não estou confirmado, espero estar no grid para estar na Corrida de Duplas também, mas é muito legal.”
A Stock Car em Goiânia (Foto: Duda Bairros/Vicar)
“Está repetindo bastante desse ano, mas é um calendário que está bem legal e espero que a Corrida de Duplas traga bastante público e visibilidade para a categoria”, continuou
 
Já Gabriel Casagrande revelou sentir falta de uma corrida em sua terra natal Curitiba. “Senti falta de Curitiba, que é minha casa. Esse ano já não teve, então, vamos ver se as coisas mudam. Eu vi que ainda tem um local que está a definir, vamos torcer para que seja esse para que possamos fazer uma corrida em casa que, com certeza, família e amigos vão gostar bastante”, apontou.
 
“Tenho certeza que muita gente que acompanha quer que a Stock Car volte para Curitiba, tomara que a gente faça isso. De resto, calendário muito legal, todas as pistas que nós já conhecemos, sempre bem dividido o ano, vamos ter corridas praticamente todos os meses a partir de março, então é muito bom, nunca vamos estar muito parados”, seguiu.
 
“Espero que eu consiga começar o ano bem, esse ano comecei um pouquinho mal, tive que correr atrás do prejuízo e sou o primeiro da tabela que não pode ser campeão. Se a gente começar o ano que vem de uma forma um pouquinho melhor talvez eu chegue no final do campeonato com chance de título e essa é minha meta”, destacou.
Por fim, Cacá Bueno também gostou do calendário, mas também afirmou que gostaria de ir para novos lugares com a Stock Car. “Gostei. Queria ver praças novas, mas entendo que não é culpa da Vicar nem da Stock Car. Gostaria de ver Brasília, Rio de Janeiro, Curitiba, Minas Gerais, uma etapa de rua no Nordeste”, pontuou.
 
“São muitas coisas que eu, como piloto, para os patrocinadores, gostaria de ver. Mas, ao mesmo tempo, entendo a dificuldade de praças que a Stock Car tem passado, as categorias, a Porsche tem corrido no exterior, mas aqui só corre em São Paulo e Curitiba. Gostaria de ver mais praças e infelizmente não é o que está acontecendo. Mas é um calendário de 12 provas, Corrida do Milhão no segundo semestre, volta Corrida de Duplas, é algo que realmente acho bacana”, concluiu ao GP.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube