Serra segue líder na Stock Car e critica lastro: “Bom seria uma disputa igualitária”

Ainda líder do campeonato mesmo sem visitar o pódio em Cascavel, Daniel Serra criticou o lastro da Stock Car. O tricampeão afirmou que prefere uma competição que dê condições iguais

Austin Hill escapou da confusão e venceu em Knoxville na quarta prorrogação (Vídeo: Nascar)

Passada a etapa de Cascavel da Stock Car, realizada neste domingo (11), Daniel Serra segue líder da atual temporada, apesar de ter finalizado ambas as corridas fora do pódio. Com sentimentos mistos em relação aos resultados obtidos, um 4º na primeira prova e um 11º na segunda, o tricampeão celebrou o fim de semana, mas aproveitou para disparar contra o lastro, que dá maior peso aos carros do topo da tabela.

Chateado por correr com o lastro — em razão da sua posição como líder do campeonato —, Serra reiterou que gostaria de correr sob um regulamento “mais igualitário”, porém, ao mesmo tempo, se mostrou feliz por seguir na liderança e ter conseguido bons pontos na quinta etapa.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Daniel Serra (Foto: Bruno Terena)

“Fico feliz pelo que temos conseguido fazer apesar do peso extra, mas poderíamos estar muito melhores se houvesse uma disputa de igual para igual. Prefiro a liderança e o peso extra, mas bom mesmo seria uma disputa igualitária, porém, regras são regras, vamos seguir”, disse Serra.

Sem ir ao pódio desde a etapa de Interlagos, o tricampeão da Stock Car se vê em uma situação menos confortável no momento. A diferença para o segundo colocado, Gabriel Casagrande caiu para apenas 4 pontos após o piloto da A.Mattheis/Vogel conquistar dois pódios em Cascavel.

A próxima etapa do campeonato está marcada para 1º de agosto e terá lugar no Autódromo Internacional de Curitiba.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar