Pole, Gomes vê Interlagos como “comprovação de que carro voltou a ser o que era”

Dono da pole-position, Marcos Gomes avaliou que o desempenho da KTF em Interlagos é uma “comprovação de que o carro voltou a ser o que era” no início da temporada. O #80 vai largar à frente de Thiago Camilo

Marcos Gomes conquistou a pole-position para a etapa decisiva da temporada 2019 da Stock Car. Em um fim de semana forte da KTF em Interlagos, o #80 aproveitou o sábado (14) para bater Thiago Camilo e assegurar a posição de honra do grid paulista pela primeira vez no ano.
 
Com a melhor volta em 1min37s802, Gomes desbancou Camilo por só 0s178 para puxar a fila do grid de Interlagos.
 
Falando ao GRANDE PRÊMIO, Gomes ressaltou a evolução da KTF e considerou que o desempenho nesta etapa final é uma comprovação da melhora do carro.
Marcos Gomes (Cauê Moalli/Grande Prêmio)
Paddockast #46
OS 10 MELHORES PILOTOS DA DÉCADA

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

“Eu acho que a gente começou superando as expectativas. Isso, obviamente, foi muito positivo, a gente conseguiu andar entre os cinco logo na primeira etapa, na segunda também, não vencemos uma segunda bateria, porque o carro ainda quebrava um pouco, não tinha uma durabilidade muito grande”, recordou Gomes. “No meio do ano, a gente conseguiu essa resistência, durabilidade, mas perdemos um pouquinho de performance”, seguiu. 
 
O #80 considerou que a mudança de endereço da equipe também cobrou um preço em termos de performance.
 
“A equipe conseguiu uma sede nova, então toda a mudança da sede antiga para a nova acabou demorando bastante tempo. E isso, sem dúvida nenhuma, prejudicou ali o nosso meio de temporada”, apontou. “Já de umas três etapas para cá, ou seja, no final da temporada, a gente achou um novo caminho. O Diego [Nunes] conseguiu um pódio no Velo Città, conseguiram evoluir aí para Goiânia, mas eu não pude correr. Lá, eu acho que o carro já estava competitivo, mas eu corri na China, de GT. E aqui em Interlagos foi a comprovação de que realmente o carro voltou a ser o que era no começo do ano”, frisou. 
 
“Pena que já acabou o ano agora, mas vamos tentar tirar aqui de Interlagos o máximo que a gente pode do carro e terminar, quem sabe, no pódio para encerrar a temporada”, completou.
 
A decisão da Stock Car será em Interlagos será no próximo domingo (15), com corrida única, mas de pontuação dobrada, a partir de 10h10, e terá cobertura completa do GRANDE PRÊMIO ‘in loco’ com os repórteres Felipe Noronha, Pedro Henrique Marum, Juliana Tesser e Cauê Moalli. Acompanhe a cobertura.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar