Wilson lidera primeiro treino livre marcado por condições instáveis do tempo em Curitiba. Barrichello é 25°

Max Wilson foi o mais rápido no treino livre que abriu oficialmente as atividades da Stock Car na pista de Curitiba nesta sexta-feira (19). A sessão foi marcada por uma chuva fina e intermitente

Max Wilson foi o autor da volta mais rápida na pista de Curitiba na manhã desta sexta-feira (19) no treino livre que abriu as atividades da Stock Car para a décima etapa do campeonato. A sessão foi marcada por uma chuva  fina, mas insistente. O piloto da RC encerrou o treino com 1min20s721, tempo conquistado já na parte final dos trabalhos.

Daniel Serra, que liderava os minutos finais do grupo 2, ficou mesmo em segundo, com 1min20s817. Allam Khodair, dono do melhor tempo no início das ações do grupo complementar, ficou com o terceiro posto, à frente de Giuliano Losacco e Thiago Camilo. Estreante, Rubens Barrichello terminou o treino em 25°.

Max Wilson liderou o primeiro treino livre da Stock em Curitiba (Foto: Duda Bairros/Vicar)
 
Confira como foi o primeiro treino livre da Stock Car em Curitiba nesta sexta-feira

Tão logo a direção de prova da Stock Car autorizou o início do primeiro treino livre do grupo 1 na pista de Curitiba nesta sexta-feira, a chuva, que já se anunciava desde o começo da manhã, se fez presente, até com certa intensidade nos minutos iniciais, o que atrasou um pouco o trabalho de pilotos e equipes. Porém, quando a chuva deu uma trégua, praticamente todo mundo foi à pista, apesar do asfalto muito molhado, o que também se refletiu na tabela de tempos.

O piso, entretanto, secou até de forma rápida no decorrer da sessão.  E quase que imediatamente Ricardo Maurício passou a ditar o ritmo das atividades. O vice-líder do campeonato alcançou o topo com 1min23s506. Lico Kaesemodel era o segundo, à frente de Pedro Boesel e Vitor Meira. Galid Osman completava os cinco primeiros.  Mesmo com todo mundo aproveitando a melhora na pista, ninguém conseguiu bater o tempo de Maurício nesta primeira parte do treino.

Rubens Barrichello, que estreia na categoria nacional neste fim de semana, aproveitou também para ganhar mais experiência e completou 13 voltas. O piloto da Indy terminou a sessão inicial com o nono melhor tempo, com 1min30s710. No geral, Rubens completou o treino em 25°. 

Já sem chuva e com o asfalto muito melhor, o grupo dois teve bandeira verde para iniciar os treinamentos. E quem logo surgiu na frente foi Allam Khodair. O paulista da Vogel saltou para frente com 1min20s868, ainda no início das atividades. E por lá ficou por boa parte do treino. Nonô Figueiredo e Xandinho Negrão também já apareciam em segundo e terceiro, respectivamente.  Antonio Pizzonia e Ricardo Zonta completavam o top-5.

E primeira mudança no top-5 aconteceu já na parte final da sessão, quando Daniel Serra cravou 1min20s817, superando a marca de Khodair. Mas o filho do Chico não conseguiu permanecer por muito tempo na ponta, já que Max Wilson, em sua última tentativa de volta rápida, obteve 1min20s721, assegurando o topo da tabela. 

Serrinha e Khodair ainda garantiram as posições no top-3. Giuliano Losacco e Thiago Camilo apareceram fortes no fim e também subiram para quarto e quinto.  Cacá Bueno, o líder do campeonato, não viveu um treino dos melhores e terminou em 27°.

Agora, os pilotos retornam à pista nesta tarde, para o segundo treino, que acontece a partir das 13h de Brasília.


Stock Car, Curitiba, treino livre 1:
 

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube