Derani exalta grande corrida em Daytona, mas lamenta problema: “Não era para ser”

O brasileiro, ao lado de Felipe Nasr, Mike Conway e Chase Elliott, lutou por grande parte da disputa pela vitória, mas o problema na caixa de câmbio tirou as chances de pódio

Pipo Derani teve um desfecho complicado nas 24 Horas de Daytona. Correndo ao lado de Felipe Nasr, Mike Conway e Chase Elliott, enfrentou um problema na caixa de câmbio que tirou a chance de vitória na 59ª edição da corrida.

O quarteto largou da pole-position na aberturada temporada da SportsCar e se manteve na primeira colocação por grande parte do tempo. Entretanto, com 5h30 para a bandeira quadriculada, começaram a notar o problema mecânico no Cadillac #31.

Imediatamente Nasr, que estava na pista, foi aos boxes. Apesar do conserto, retornaram com mais de 20 voltas de desvantagem e perderam a chance de terminar no pódio, cruzando a linha de chegada na sexta posição.

O carro de Derani teve problema com pouco menos de 20 horas de prova (Foto: Brian Cleary)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

“Acredito que tivemos uma grande corrida. Infelizmente, enfrentamos um problema na caixa de câmbio pelo segundo ano consecutivo, o que é uma pena, porque até então a equipe vinha fazendo um trabalho fantástico. Estivemos sempre brigando com os líderes”, disse Derani.

“Ao menos, conseguimos marcar alguns pontos para o campeonato. O carro #48 conquistou um pódio, então foi um bom dia para o nosso time. Infelizmente, faltou sorte para nós, mas a equipe fez tudo o que poderia. Não era pra ser. Mas vamos voltar mais fortes. E voltar a lutar em Sebring”, completou o brasileiro.

Mas a vitória passou da mão de um brasileiro para outro. Helio Castronves, junto com Alexander Rossi, Filipe Albuquerque e Ricky Taylor, faturou a disputa do último domingo.

Outra história que chamou a atenção e marcou a edição de 2021 das 24 Horas de Daytona foi a de Antonio García. Com 17h de prova completadas, o teste de rotina do piloto voltou positivo para Covid-19, com ele precisando deixar a disputa. O Corvette #3 em que fazia trio venceu na classe GT.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube