2º, Vettel lamenta “freio demais” na última curva, mas se diz feliz com volta em Xangai e avisa: “Temos um carro forte”

Sebastian Vettel continuou provando que a vitória na Austrália não foi por acaso. Na classificação deste sábado (8) em Xangai, o alemão se pôs perto da Mercedes de Lewis Hamilton e garantiu uma importante segunda colocação no grid

 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Sebastian Vettel assustou a Mercedes, mas não conseguiu se colocar como mais veloz em Xangai quando a classificação chegou à sua fase decisiva. Mesmo assim, o alemão tinha um sorriso no rosto ao descer de sua Ferrari no parque fechado, neste sábado (8). Afinal, a distância para os prateados não foi grande: apenas 0s186 do tempo registrado por Lewis Hamilton, o dono da pole-position para a segunda corrida da temporada 2017 da F1.

 
O tetracampeão liderou o treino livre que antecedeu à sessão definitiva. Depois, também se pôs como melhor na primeira parte do treino que definiu as posições de largada, mas viu o colega Kimi Räikkönen voar no Q2. Só que o desempenho não foi suficiente para manter a Ferrari à frente da Mercedes. Nos instantes finais, o inglês foi imbatível. Mas Vettel ficou feliz com a volta que o colocou na primeira fila.
Sebastian Vettel vai largar em segundo no GP da China (Foto: AFP)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 1
,components : { mute: {delay :3}, skip: {delay :3} }
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);
"Foi uma sessão muito boa, eu gostei muito e fiquei feliz com a volta que dei", afirmou o ferrarista, depois que cravou a marca de 1min31s864. "Talvez, na última curva, tenha sido cauteloso demais. Perdi tempo por ter freado um pouco cedo. Mas vamos ver amanhã o quão importante será estar na primeira fila", completou.

 

Ainda assim, Vettel não deixou de enaltecer a força da Ferrari. "De qualquer forma, teria sido melhor se pudéssemos ter sido um pouco mais rápidos. Estava muito perto de Valtteri (Bottas), mas sou grato pela diferença mínima que nos colocou na primeira fila. O nosso carro é forte não importa o que aconteça. E acho que ainda podemos melhorar. Mas as condições serão um pouco diferentes amanhã, então teremos de esperar", concluiu.

O GRANDE PRÊMIO transmite todas as atividades do GP da China de F1 neste fim de semana. Acompanhe tudo AO VIVO e em TEMPO REAL, com o novo livetiming.

PADDOCK GP #72 TRAZ ÁTILA ABREU E DISCUTE ETAPAS DA STOCK CAR, F1, INDY E MOTOGP

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube