Alonso ironiza reclamações da Red Bull após 3ª posição de Vettel: “Sempre acontece alguma coisa”

Espanhol admitiu que gostou da vitória de Kimi Räikkönen na Austrália que, para ele, foi melhor do que um triunfo da equipe austríaca. Segundo ele, a Red Bull sempre reclama de alguma coisa quando não vence depois de dominar os treinos classificatórios

 

Fernando Alonso não conseguiu superar a boa estratégia de Kimi Räikkönen, mas fez o suficiente para ficar com a segunda colocação do GP da Austrália, disputado no último domingo (17). Mas para o espanhol, a vitória do finlandês foi melhor do que um possível triunfo de Sebastian Vettel, que não deu chance aos rivais no treino classificatório e cravou a pole-position sem dificuldade.

“Não pedimos um carro que seja um segundo mais rápido que os outros, mas um para que possamos duelar com eles [os concorrentes]. A Lotus assusta porque é competitiva e já duelou [pelo título] no último campeonato”, afirmou o piloto da Ferrari.

Alonso gostou da vitória de Kimi Räikkönen na Austrália (Foto: Ferrari)

“Hoje, seu carro [o E21] desgasta muito menos os pneus do que o nosso [a F138]. De todo jeito, eu prefiro que vença Kimi que um [carro da] Red Bull”, continuou o companheiro de Felipe Massa.

Usando de artilharia pesada contra a equipe austríaca, Alonso afirmou que a Red Bull sempre tem algum tipo de problema, ou reclama de alguma coisa, quando não consegue vencer – chefe de equipe dos atuais tricampeões, Christian Horner afirmou que os pneus não atingiram a temperatura ideal por conta do tempo ruim.

“A Red Bull ganhou dois de seus títulos na última corrida, e isso quando tinha um carro 1s mais rápido que o resto. Aproveitar o domínio não é uma de suas virtudes”, falou o espanhol, que foi vice-campeão nas duas oportunidades em que Vettel ficou com o título na última corrida do ano.

“É o mesmo de sempre, porque normalmente terminam em primeiro e segundo todos os treinos [classificatórios] para, depois, sempre acontecer alguma coisa: algumas vezes são as largadas [ruins], outras são problemas de confiabilidade e outras são os pneus que desgastam muito”, ironizou. “Este final de semana parecia que iam dominar tudo, mas terminaram em terceiro”, encerrou, citando a posição final do piloto alemão.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar