Chefe da Red Bull pede apoio e paciência com Albon: “Ainda é muito jovem”

Alexander Albon ainda não conseguiu um pódio na Fórmula 1, mas recentemente esteve bem próximo de alcançar este objetivo. Em 2020, duas corridas distintas marcaram o início de temporada do piloto e fizeram com que Christian Horner defendesse o tailandês de 24 anos

Alexander Albon começou a temporada 2020 da Fórmula 1 deixando boa impressão no GP da Áustria, quando chegou a brigar com a Mercedes de Lewis Hamilton, mas foi tocado, rodou e abandonou voltas depois. Na etapa da Estíria, apesar de correr na mesma pista, o piloto da Red Bull não repetiu o mesmo desempenho e ficou na quarta posição, longe do companheiro Max Verstappen, o terceiro colocado na prova.

Para Christian Horner, chefe da Red Bull, a mudança de Albon para a equipe principal após poucas corridas com a Toro Rosso em 2019 não foi fácil, mas o tailandês está adquirindo muita experiência.

“Alex ainda é muito jovem, é apenas sua décima primeira corrida com a gente. E eu acho que o fato dele encarar Lewis Hamilton é uma grande coisa. Lewis não esperava ser atacado naquele momento”, afirmou Horner em uma entrevista com o ex-piloto Martin Brundle no Instagram.

Albon precisou se defender dos ataques de Pérez no GP da Estíria (Foto: “Getty Images/Red Bull Content Pool”)

“Ele [Albon] assumiu a pressão de ter Max [Verstappen] como companheiro de equipe e acho que está administrando muito bem. É um rapaz brilhante e está trabalhando muito. Acredito que precisamos ser pacientes com ele, botar a mão em seu ombro e fazê-lo sentir que tem nosso apoio”, completou o dirigente.

Perguntado por Martin Brundle sobre a disputa entre Albon e Hamilton no GP da Áustria, o chefe da Red Bull declarou que o piloto de 24 anos poderia ter esperado para efetuar a manobra corretamente.

“Alex sentiu que sua vantagem seria com o aquecimento do pneu. Após a troca, ele precisava fazer a ultrapassagem logo e na curva 4 ele saiu para o lado esquerdo, de fora, mas a intenção dele não era ultrapassar naquele ponto. Albon foi surpreendido pela frenagem de Lewis”, disse o chefe da equipe.

“Vimos muitas manobras parecidas na Fórmula e na Fórmula 3 durante o final de semana. Acho que ele estava apenas com pressa para fazer a ultrapassagem”, finalizou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube