Com “pacote certo”, Pérez lamenta punição, mas foca na zona de pontuação em Abu Dhabi

Sétimo colocado no primeiro dia em Abu Dhabi, o mexicano ressaltou que ainda está em jogo o terceiro lugar na classificação do Mundial de Construtores

Embalado pela vitória no GP de Sakhir, Sergio Pérez mal chegou em Abu Dhabi e já encarou um revés: uma punição por contra da troca de componentes do motor. Ainda assim, o mexicano se mostrou satisfeito com o desempenho do carro da Racing Point.

O mexicano fechou a sexta-feira (11) de treinos em Yas Marina com a sétima colocação, com a melhor volta em 1min37s506, 1s230 mais lento que Valtteri Bottas, o líder dos trabalhos.

Pérez venceu o GP de Sakhir, etapa mais recente da F1. (Foto: Racing Point)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Ainda no início do dia, contudo, a equipe confirmou que substituiu o motor de combustão espontânea, o turbo e o motor de geração de energia da unidade produzida pela Mercedes. Em todos esses itens, Pérez estava no limite de três componentes utilizados. Com isso, soma punições a cada uma das substituições feitas e largará do fim do grid em Abu Dhabi.

“Estou feliz com o equilíbrio do carro e com o progresso que fizemos hoje. É só uma pena que teremos de largar atrás, pois acho que temos o pacote certo para outro bom resultado”, disse Pérez ao fim dos trabalhos em Abu Dhabi. “Mas é assim que é, então nosso foco hoje foi nos long-runs. Trabalhamos duro para entender como a corrida deve se desenvolver e como os compostos dos pneus Pirelli vão se comportar”, seguiu.

“Obviamente, o TL2 é uma sessão muito importante para isso, pois é muito mais representativo do que o TL1”, comparou. “Apesar da interrupção no TL2, acho que estamos fortes e temos uma boa ideia do que esperar”, ponderou.

A Racing Point chegou à capital dos Emirados Árabes Unidos na terceira colocação do Mundial de Construtores, com 194 pontos, só dez a mais que a McLaren. Quinta na tabela, a Renault tem 172 pontos.

“Tem muita coisa em jogo neste fim de semana, com a batalha pelo terceiro lugar no Mundial de Construtores, mas podemos ir para a classificação sem pressão e focar na corrida”, ressaltou. “A meta é lutar para chegar na zona de pontuação e ver até onde podemos chegar no domingo”, concluiu.

Ouça os programas do GRANDE PRÊMIO no formato de podcast:
Anchor | Apple | Spotify | Google | Pocket Cast | Radio Public | Breaker

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube