Com pneus macios, Pérez põe Racing Point na frente do TL1 do GP da Estíria

A 'Mercedes rosa' de Sergio Pérez abriu o fim de semana do GP da Estíria na frente. O mexicano liderou o primeiro treino livre, com pneus macios, seguido pela Red Bull de Max Verstappen. Com pneus médios, Valtteri Bottas e Lewis Hamilton terminaram em terceiro e quarto, respectivamente. A melhor Ferrari foi a de Sebastian Vettel, somente em décimo

O fim de semana do GP da Estíria, segunda etapa da temporada 2020 do Mundial de Fórmula 1, começou cor-de-rosa. Sergio Pérez abriu da melhor forma a jornada da equipe de Silverstone no Red Bull Ring e liderou o primeiro treino livre, na manhã desta sexta-feira (10). Com pneus macios, o mexicano cravou 1min04s867 na sua melhor volta, superando a Red Bull de Max Verstappen em 0s096. O holandês também fez uso dos compostos vermelhos para estabelecer o tempo.

E a Mercedes, que dominou o fim de semana do GP da Áustria, realizado no mesmo Red Bull Ring? Tanto Valtteri Bottas, vencedor no último domingo, quanto Lewis Hamilton, registraram suas melhores voltas com pneus médios e terminaram em terceiro e quarto, respectivamente, seguidos pela segunda Racing Point, de Lance Stroll, que fechou o top-5.

Alexander Albon, da Red Bull, foi o sexto, 0s616 atrás de Pérez, mas tendo feito seu melhor tempo com pneus médios. O anglo-tailandês foi seguido pela McLaren de Carlos Sainz, sétimo com compostos macios. Pierre Gasly, com a AlphaTauri, voltou a andar bem no Red Bull Ring e foi o oitavo, com compostos médios, assim como Daniel Ricciardo, da Renault. E a Ferrari, que testou novas asa dianteira e assoalho nesta manhã, teve Sebastian Vettel como melhor colocado, em décimo, duas posições à frente de Charles Leclerc.

O GRANDE PRÊMIO transmite ao vivo e em tempo real todas as atividades do GP da Estíria, segunda etapa do campeonato da Fórmula 1 2020.

Sergio Pérez foi o mais rápido desta manhã de sexta-feira no Red Bull Ring (Foto: Racing Point)

Saiba como foi o primeiro treino livre do GP da Estíria de F1

A abertura do GP da Estíria começou com duas novidades no grid: Robert Kubica voltou a acelerar em um treino livre, como reserva da Alfa Romeo, no lugar de Antonio Giovinazzi; na Williams, o britânico de ascendência coreana Jack Aitken substituiu George Russell e acelerou o carro #40 da Williams. Outra novidade foi o teste que a Ferrari fez com o novo assoalho na SF1000, utilizada por Charles Leclerc.

Depois das primeiras voltas de instalação, os primeiros pilotos a registrarem voltas rápidas no Red Bull Ring nesta sexta-feira foram Alexander Albon, da Red Bull, e Carlos Sainz, da McLaren, sendo seguidos pela outra McLaren, de Lando Norris. Com 20 minutos de sessão, o anglo-tailandês liderava com 1min06s330, tempo feito com pneus médios.

A liderança mudou de mãos minutos depois quando Max Verstappen superou o companheiro de equipe em 0s243. Em seguida, Lewis Hamilton deixou os boxes com a Mercedes preta calçada com pneus duros. Entretanto, o hexacampeão ficou longe de fazer um tempo competitivo, virando quase 1s atrás do líder.

O primeiro piloto a enfrentar problemas foi Nicholas Latifi. O canadense alegou problemas no sistema de câmbio da sua Williams e teve de encostar na área gramada ao lado da pista na curva 5, o que levou a direção de prova a acionar o primeiramente o safety-car virtual para depois interromper o treino.

Max Verstappen
Max Verstappen chegou a liderar o TL1 do GP da Estíria (Foto: Getty Images/Red Bull Content Pool)

Quando a sessão voltou ao ritmo normal, Sergio Pérez colocou a Racing Point em segundo com 1min06s188, tempo registrado com pneus duros. Até que, com os macios, Leclerc colocou a Ferrari em segundo, 0s078 atrás da marca registrada por Verstappen. Foi quando o TL1 chegou ao fim da sua primeira metade.

A Mercedes mandou Hamilton e Bottas de volta para a pista, mas com pneus médios. E aí a realidade foi restabelecida no Red Bull Ring. O britânico cravou 1min05s208 e subiu para a ponta do TL1, enquanto Bottas completou a dobradinha, 0s173 atrás. O 1-2 caiu por alguns segundos depois que Lance Stroll foi somente 0s003 mais lento que Hamilton, e com pneus macios. Mas o canadense teve o tempo deletado depois de exceder os limites de pista na curva 10.

Sergio Pérez
Sergio Pérez assumiu a liderança da sessão na fase final (Foto: Racing Point)

Sem problemas, Pérez colocou a Racing Point na liderança com 1min04s867, também com pneus macios, sendo 0s253 mais rápido que Hamilton. Segundos depois, Bottas superou o companheiro de equipe para colocar a Mercedes #77 em segundo, seguido pelo britânico e por Stroll, agora com uma volta rápida, em quarto.

Enquanto a dupla da Mercedes ainda seguia na pista com pneus médios, a McLaren mandou Sainz e Norris com os compostos macios, assim como a Ferrari com Leclerc e Vettel. Mas quem surpreendeu foi Pierre Gasly, que colocou a AlphaTauri momentaneamente em sexto e com pneus médios antes de ter sido superado por Sainz e Albon.

Nos minutos finais, Verstappen tentou superar o tempo de Pérez com os compostos macios, mas ficou 0s096 atrás.

Gasly conseguiu novamente colocar a AlphaTauri na lista dos dez primeiros, enquanto a Ferrari chegou a mandar seus pilotos para a pista, mas somente para uma volta de instalação com pneus macios. No fim das contas, nada mudou entre os primeiros colocados em razão dos trabalhos feitos em simulações de corrida, e Pérez abriu os trabalhos na Áustria como P1 do treino livre da manhã no Red Bull Ring.

Fórmula 1 2020, GP da Estíria, Red Bull Ring, treino livre 1:

1S PÉREZRacing Point Mercedes1:04.867 32
2M VERSTAPPENRed Bull Honda1:04.963+0.09631
3V BOTTASMercedes1:05.089+0.22231
4L HAMILTONMercedes1:05.120+0.25329
5L STROLLRacing Point Mercedes1:05.396+0.52936
6A ALBONRed Bull Honda1:05.483+0.61628
7C SAINZ JRMcLaren Renault1:05.602+0.73540
8P GASLYAlphaTauri Honda1:05.698+0.83127
9D RICCIARDORenault1:05.769+0.90231
10S VETTELFerrari1:05.770+0.90325
11D KVYATAlphaTauri Honda1:05.815+0.94828
12C LECLERCFerrari1:05.837+0.97028
13E OCONRenault1:05.874+1.00735
14L NORRISMcLaren Renault1:05.908+1.04125
15K RÄIKKÖNENAlfa Romeo Ferrari1:06.441+1.57423
16R GROSJEANHaas Ferrari1:06.446+1.57931
17J AITKENWilliams Mercedes1:06.768+1.90135
18R KUBICAAlfa Romeo Ferrari1:06.797+1.93031
19N LATIFIWilliams Mercedes1:09.598+4.7316
20K MAGNUSSENHaas Ferrari 3
  Tempo 107%1:09.408+4.541 
      
RECV BOTTASMercedes1:02.93904/07/2020 
MVK RÄIKKÖNENFerrari1:06.95701/07/2018 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube