Como serão os carros de Fórmula 1 na revolução que se avizinha para 2022?

A Fórmula 1 vai passar por grandes mudanças em 2022, especialmente nos carros. O GRANDE PRÊMIO mostra as novidades (e o que continua igual) para a próxima temporada

F1 ENTRA EM NOVA ERA: TUDO SOBRE O CARRO 2022 | GP ÀS 10

De tempos em tempos, a Fórmula 1 anuncia significativas mudanças no regulamento que, claro, afetam os carros. Para a temporada 2022, a categoria vai introduzir a nova geração de bólidos, com grandes alterações na parte aerodinâmica, visando o aumento de ultrapassagens e mais espetáculo para os fãs.

Para o próximo ano, a F1 vai correr com carros de visual agressivo, com bicos longos, aerofólios cheios de curvas e menos acessórios nos veículos. Uma mudança radical em relação ao modelo atual, mas sem perder algumas características. Por isso, o GRANDE PRÊMIO apresenta para você o novo carro de 2022.

A primeira grande mudança dos carros está questão aerodinâmica. O desenho, inicialmente programado para estrear em 2021, mas adiado pela Covid-19, é fazer com que os competidores andem mais próximos uns dos outros. Com isso, aumenta-se a possibilidade de ultrapassagens e movimentações no pelotão.

CARRO-CONCEITO; FÓRMULA 1; F1; FÓRMULA 1 2022; NOVA ERA F1;
A Fórmula 1 revelou as primeiras imagens do carro-conceito da nova era que vai vigorar a partir de 2022 (Foto: Fórmula 1)

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

O que impedia, até então, essa corrida mais próxima era a chamada perdão de pressão aerodinâmica, que resultava no “ar sujo” passado de um carro para outro em fila. Quanto mais um piloto se aproximava de alguém à sua frente, mais difícil de guiar ficava o bólido.

Um ponto que chama a atenção do novo modelo é o aerofólio, seja ele traseiro ou dianteiro, especialmente as curvas. Na frente do carro, mais robustez. Na parte de trás, detalhes suaves que trazem como perspectiva diminuir ou mesmo extinguir a necessidade do DRS no futuro.

Uma novidade está nos pneus. A partir de 2022, a Pirelli vai colocar os pneus de 18″. O composto maior pretende reduzir o aquecimento, fazendo com que a aproximação dos carros seja mais constante.

Outra grande mudança é a introdução de um combustível mais sustentável, chamado E10, com 10% de etanol em sua composição, acima dos 5,7% utilizados até 2021.

O que não muda, porém, é a unidade de potência. A Fórmula 1 planeja manter o motor dos carros até 2025, quando vai introduzir grandiosas mudanças, talvez até mesmo com a entrada de novas fornecedoras no grid. A Audi, marca do Grupo Volkswagen, pretende anunciar até janeiro sua entrada no Mundial a partir de 2026.

LEIA TAMBÉM
Campeão, Verstappen consolida troca de guarda e fim da dinastia Hamilton na F1
Verstappen triunfa em rivalidade contra nêmesis de uma vida apenas aos 24 anos
Verstappen vence batalha árdua em primeiro título e sinaliza nova era na Fórmula 1
Red Bull enfim entrega carro vencedor e dá condição de título a Verstappen na F1

O NOVO CARRO DA F1 2022: TUDO QUE VOCÊ PRECISA SABER
Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar