Confiante com desempenho da Williams, Bottas se diz “um pouco surpreso” com velocidade da Mercedes

Segundo colocado nos treinos desta sexta-feira (27), Valtteri Bottas afirmou que ficou um pouco surpreso com a velocidade da Mercedes. Finlandês se disse confiante com o desempenho da Williams, mas avaliou que ainda é possível melhorar

Valtteri Bottas registrou a segunda melhor marca nesse segundo dia da última bateria de testes a pré-temporada 2015 da F1. Com o melhor de seus 90 giros em 1min23s995, o finlandês ficou a 1s203 de Nico Rosberg, o líder dos trabalhos em Montmeló. 
 
“Foi um bom dia para nós”, resumiu Bottas. “De novo nós tivemos um dia completamente livre de problemas, o que é sempre bom. Nós fizemos mais algum trabalho de performance hoje, o que é bom. É bom fazer alguns short-runs e realmente tentar tirar um pouco mais do tempo de volta”, continuou. 
Valtteri Bottas admitiu surpresa com velocidade da Mercedes (Foto: Xavi Bonilla/Grande Prêmio)
Mesmo satisfeito com o trabalho desta sexta, Valtteri reconheceu que ficou surpreso com o ritmo demonstrado pela Mercedes de Rosberg.
 
“Me senti ok, mas estou um pouco surpreso com a velocidade da Mercedes”, admitiu. “É difícil saber exatamente o quão à frente eles estão, mas eles estão na frente, então acho que é o time a ser batido”, observou. 
 
Ainda assim, Bottas se mostrou confiante na boa forma do FW37 para o GP da Austrália, primeira prova da temporada 2015 da F1.
 
“Nós estamos realmente ansiosos por isso. Nós sabemos que podemos ser competitivos, mas ainda temos trabalho a fazer”, ponderou. “Ainda temos dois dias de testes e ainda temos um plano bastante ativo. Nós estamos confiantes, estamos prontos para correr, mas tem coisas que ainda podemos melhorar e tomara que possamos resolver algumas dessas coisas nos próximos dois dias”, concluiu.

#GALERIA(5230)

ESCONDENDO O JOGO?

A Williams foi só a quinta equipe em quilometragem total nos dois primeiros testes da pré-temporada da F1 em 2015, mesmo que seu carro não tenha apresentado nenhum grande problema durante as atividades. Engenheiro-chefe da equipe inglesa, Rod Nelson explicou o porquê de o programa de treinamentos ser mais ‘econômico’ que o da concorrência"Não acho que estamos escondendo o jogo", disse o inglês

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube