“Derrubado”, Pérez culpa virose por desempenho discreto no Q3 e espera “enorme desafio” no GP da Malásia

Sergio Pérez revelou o motivo de não estar em sua melhor forma durante o GP da Malásia. Neste sábado, o piloto contou estar com uma virose desde a quinta-feira, não se sentindo bem e reconhecendo que esse é o motivo de ter conquistado apenas o nono posto do grid de largada em Sepang

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Sergio Pérez não estava em sua melhor forma na classificação da Malásia, ao menos é o que declarou o piloto. Neste sábado (30), o mexicano revelou que não está passando bem desde a quinta-feira devido a uma virose.
 

“Não me sinto bem, estou com virose. Na manhã de quinta eu saí para uma corrida e não estava no meu nível normal. Estava sofrendo para acompanhar meu treinador. Fui para meu quarto, tomei um banho e vi que eu estava congelando”, explicou.
 
“Coloquei minha blusa e fiquei mal o restante do dia. Fiz muito progresso na sexta-feira, mas dentro do carro foi difícil de respirar. Realmente me derrubou”, seguiu.
Sergio Pérez (Foto: Force India)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

O titular da Force India seguiu seu discurso afirmando que isso o prejudicou na classificação de mais cedo. Com o tempo de 1min31s658, o piloto larga apenas em nono em Sepang, três posições atrás de seu companheiro Esteban Ocon, o sétimo.
 

“Hoje isso definitivamente me atrapalhou no Q3. Não havia nada de errado com o carro ou os pneus, eu apenas não consegui repetir a volta que fiz no Q2. Caso eu tivesse melhorado isso, eu poderia largar em sexto, mas eu estou sofrendo já na classificação”.
 
Por fim, Pérez fez sua previsão para a prova deste domingo, e não é nada otimista. “Amanhã será um enorme desafio, na classificação já sofri um pouco. Tentarei me hidratar da melhor maneira que conseguir. Obviamente não é o lugar que eu gostaria de estar doente, então será uma longa corrida para mim”, encerrou.
 
O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades da F1 na Malásia AO VIVO e em TEMPO REAL, com livetiming e gráfico interativo.

#GALERIA(7200)
 
TORO ROSSO DEMOROU DEMAIS

REBAIXAMENTO SEGUIDO DE AFASTAMENTO DE KVYAT É TUDO, MENOS INJUSTO  

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube