Diretor da McLaren admite “alivio e tristeza” com rompimento com Honda e aposta fichas na Renault: “Tem potencial”

Diretor da McLaren, Éric Boullier admitiu que o rompimento com a Honda é, ao mesmo tempo, um alívio e uma tristeza. Dirigente se mostrou confiante com a relação com a Renault

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Diretor da McLaren, Éric Boullier revelou um sentimento contraditório em relação ao rompimento com a Honda. No último fim de semana, a marca nipônica e a casa de Woking anunciaram o fim da parceria de três anos.
 
O dirigente reconheceu que o fim da parceria deixa um certo alívio, mas também a sensação de tristeza, já que os resultados esperados não vieram.
Éric Boullier mostrou confiança na relação com a Renault (Foto: McLaren)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

“Se tornou inevitável”, disse Boullier à emissora belga RTBF. “Depois de três anos difíceis, decisões importantes tinham de ser tomadas antes que fosse tarde demais, Agora nós sentimos alívio, mas também tristeza, porque construímos uma boa relação com a Honda, mesmo sem resultados”, seguiu.
 
Agora acertada com a Renault, a fábrica de Woking vê um futuro mais promissor, até mesmo com status de time de fábrica.
 
“Nós temos informações da Renault que provam que o motor deles é competitivo”, comentou Boullier. “Talvez esteja um pouco atrás de Mercedes e Ferrari, mas tem potencial”, apontou.
 
“Nós tivemos reuniões que mostram que eles estão trabalhando na confiabilidade e no pacote de performance que será mais competitivo no próximo ano”, apostou. “A outra vantagem de trabalhar com a Renault e que poderemos opinar no design do motor. Em 2019, teremos uma solução que é quase de ‘fábrica’, então é uma vantagem em relação ao motor cliente”, encerrou.
KUBICA TEM WILLIAMS COMO GRANDE CHANCE PARA VOLTAR À F1 EM 2018. E PODE "SOBRAR MUITO" PARA MASSA

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube