Dono da Haas avisa que só vai pensar em contratar piloto americano quando surgir “um com pedigree”

A experiência conta mais do que a nacionalidade, na visão de Gene Haas. O dono da equipe americana da F1 avisa que só vai considerar pilotos conterrâneos quando surgir um capaz de fazer bonito na categoria

Antes de anunciar a dupla de pilotos para a estreia na F1, a Haas era tida como um porto seguro para candidatos americanos. Alexander Rossi era especulado na escuderia de seus conterrâneos. No fim das contas, a trupe de Gene Haas optou pelo francês Romain Grosjean e o mexicano Esteban Gutiérrez. Depois de um bom primeiro ano na F1, Gene segue sem se importar muito com o país de origem de seus contratados.
 
De acordo com o dono da equipe, pilotos americanos só vão entrar no radar quando realmente o fizerem por merecer.
 
“Se tivéssemos que deixar tudo totalmente americano, não teríamos dinheiro ou tempo suficiente para qualquer coisa. Estamos aqui apenas para construir uma equipe”, avisou, falando à ‘ESPN’. “Se surgisse um piloto americano com o pedigree para isso, eu consideraria seriamente. Mas hoje não temos nenhum desses na F1”, seguiu.
Gene Haas (Foto: Haas)
“Você sempre quer experiência. O mercado está bombando agora justamente por conta da perda de dois pilotos muito experientes (Button e Massa), e os estreantes ainda não conhecem muito”, refletiu.
 
“Temos vários pilotos por aí, mas você sempre acaba arriscando pelo desconhecido. Vários conseguem andar bem na GP2 e na GP3. Eles são qualificados, mas a F1 é um esporte completamente diferente”, concluiu.
 
Grosjean já tem presença confirmada na Haas em 2017, enquanto Gutiérrez segue negociando seu contrato. Ainda não vai ser dessa vez que um americano vai correr na equipe do seu país.
fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube