Ecclestone diz que F1 errou em permitir ida da Manor para Austrália: “Não correriam nem com uma arma na cabeça”

O diretor-geral da FOM, Bernie Ecclestone, falou que a F1 cometeu um erro ao deixar que a Manor sequer fosse para Melbourne, já que não tinha condições de colocar carros na pista, como de fato não fez. Segundo Ecclestone, a Manor não correria se alguém tivesse uma arma apontada na cabeça da chefia

A Manor abandonou a morte, deu um jeito de se acertar com seus credores e conseguiu tudo o que precisava das outras equipes para participar no GP da Austrália, abertura da temporada da F1. Uma vez lá, a equipe não conseguiu resolver problemas eletrônicos e sequer viu a cor da pista do Albert Park. Só que segundo o chefão da categoria, Bernie Ecclestone, a Manor não tinha interesse de realmente acelerar no fim de semana em Melbourne.
 
Para Ecclestone, a organização cometeu um erro ao tornar possível que a Manor fosse à Austrália. Isso, porque eles não tinham condições de ir à pista e, portanto, não tinham esse interesse.
 
"Não deveríamos jamais ter permitido que a Manor fizesse o que fez. É nossa culpa. Eu previ que isso iria acontecer. Eles não tinham qualquer intenção de correr na Austrália. Zero", afirmou Ecclestone.
Diretor-esportivo da Manor Marussia, Graeme Lowdon, durante a coletiva da FIA (Foto: Getty Images)
"A Manor não ia correr nem com uma arma na cabeça. Era impossível, então eles não tinham intenção", seguiu.
 
Por fim, perguntado sobre as taxas de frete da viagem do time moribundo, Ecclestone falou que a FOM não vai pagar como normalmente faz.
 
"Eles não estão competindo, então precisam pagar por isso", completou.
 
Não se sabe exatamente como fica a situação da Manor para o GP da Malásia, em duas semanas, mas é certo que terão de prestar contas ao chefe antes de tudo.
 
NADA DE SORTE DE PRINCIPIANTE

O GP da Austrália viu uma Mercedes imbatível e um Lewis Hamilton ainda mais forte que aquele que se tornou bicampeão em 2014. Mesmo sendo a primeira etapa do ano, é impensável não imaginar que ambos devem novamente dominar com sobras. Nem mesmo Nico Rosberg pôde com o colega. E verdade seja dita: tudo isso já era mais ou menos esperado. Nada de realmente novo daí, portanto. Só que felizmente a corrida em Melbourne revelou outras histórias, para o bem e para mal. A mais importante delas foi a da estreia impressionante de Felipe Nasr

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube