Em ano relaxado, Massa diz que está “curtindo mais a F1” e admite que está aberto a novo acordo

Felipe Massa admitiu que está aberto à possibilidade de estender sua permanência na F1 após o fim da temporada 2017. O brasileiro se disse mais relaxado e afirmou estar curtindo a nova geração de carros. Por isso, ainda não quer pensar no futuro

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

Uma vez mais, Felipe Massa garantiu que não descarta a possibilidade de prolongar sua trajetória na F1. O brasileiro deixou a aposentadoria para voltar ao carro da Williams em um contrato de apenas um ano. Massa foi persuadido a retornar para formar dupla com o novato Lance Stroll na equipe inglesa, depois que a Mercedes escolheu Valtteri Bottas para substituir o campeão Nico Rosberg, que decidira deixar as pistas.

 
Até o momento, Felipe vem liderando o time de Grove e somou todos os 20 pontos que a esquadra conquistou depois das seis primeiras corridas da temporada. O piloto de 36 anos também assumiu um papel de professor e vem orientando o estreante Stroll neste ano.
 
Em entrevista ao site norte-americano 'Motorsport.com', Massa admitiu que considera realmente a chance de permanecer mais tempo. "Sim. Se tiver a oportunidade de seguir na direção que estou agora e se achar que é correto, então vou ficar. Caso contrário, não. Eu falava a mesma coisa no ano passado", afirmou o veterano.
Felipe Massa falou que pensa em permanecer mais tempo na F1 (Foto: Beto Issa)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Massa também revelou que vem curtindo mais a F1 neste ano, especialmente por conta da nova geração de carros – que agora são mais largos e apresentam maior aderência mecânica. "Estou mais relaxado, não há pressão e estou tentando curtir tudo. Eu estava fazendo o mesmo no ano passado, mas não sei, talvez as coisas mudem para melhor e a maneira como venho trabalhando é bastante tranquila agora", disse.

 
"Estou feliz com o carro, com a forma com que estou pilotando e do trabalho que estou fazendo com a equipe. O mais importante é tentar não perder pontos", completou Massa, que assegurou não ter um prazo para definir seu futuro.
 
"Não estou considerando nada, para ser honesto. Eu simplesmente me divirto a cada corrida. Não tenho ideia do que vai acontecer", acrescentou Felipe, que volta à pista neste fim de semana, com o GP do Canadá.
 
Massa também falou com o GRANDE PRÊMIO sobre seu futuro na F1 e a entrevista completa está aqui.
ALONSO ATINGE NOVO PATAMAR NA HISTÓRIA DO AUTOMOBILISMO NA ESPETACULAR INDY 500

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube