Alonso reclama de aderência e espera “muita ação” em “desafiador” GP de Miami

Fernando Alonso levou Alpine ao quinto lugar do TL2 do GP de Miami, mas lamentou falta de aderência na pista e admitiu que corrida pode ser recheada de incidentes

FÓRMULA 1 2022 AO VIVO: TREINOS LIVRES GP DE MIAMI DE F1 | Briefing

Fernando Alonso conseguiu um ótimo resultado para a Alpine no segundo treino livre para o GP de Miami, disputado nesta sexta-feira (06). Com o quinto lugar, o espanhol ficou atrás apenas de carros de Mercedes, Ferrari e Red Bull, e quatro posições à frente do companheiro de Alpine, Esteban Ocon. Após a última sessão do dia, o experiente piloto foi mais um a reclamar sobre a falta de aderência fora da linha ideal de corrida.

“Foi um bom dia, a pista é boa, algumas retas longas, então espero por ação no domingo com a asa móvel, mas precisamos resolver os problemas”, disse. “Ainda estamos tendo problemas em algumas curvas, parece algo como pedra ou cascalho [no asfalto]. Então vamos tentar limpar a pista a cada sessão e provavelmente teremos muita ação no domingo”, ressaltou.

Alonso preferiu adotar uma postura cautelosa após o bom resultado do TL2, já que é a primeira participação de todos os 20 pilotos do grid no circuito de Miami — construído nas imediações do Hard Rock Stadium, de propriedade do Miami Dolphins.

▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Alonso espera por corrida movimentada na estreia de Miami na Fórmula 1 (Foto: Alpine)

“Não me senti muito bem pilotando, mas o tempo de volta estava bom, então novamente parecemos rápidos — mas ainda é um longo caminho a percorrer contra os outros times”, admitiu. “Normalmente, em um circuito novo, você aprende muito sobre o carro na sexta e ele muda completamente para o sábado, então acho que há mais por vir de todo mundo”, opinou.

Com um treino marcado por algumas interrupções, como na bandeira vermelha que paralisou a sessão no momento em que Carlos Sainz perdeu o controle de sua Ferrari e bateu no muro, Alonso admitiu que não conseguiu completar uma simulação de corrida. O espanhol afirmou que vai tentar uma nova simulação no último treino antes da classificação e reconheceu que a o traçado da pista pode render uma corrida com muita movimentação — e alguns acidentes — no domingo.

“Não muito. Infelizmente, foi o mesmo para todo mundo e perdemos a janela, então talvez tenhamos uma oportunidade no TL3, vamos ver”, afirmou. “E esse vai ser o tom da corrida — as paredes estão muito perto, não há espaço para errar nesses circuitos de rua, então talvez tenhamos alguns safety-car no domingo”, previu.

O piloto espanhol foi mais um a reclamar da falta de aderência da pista americana (Foto: Alpine)

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Apesar do nível maior de desafio envolvido na disputa, Alonso garantiu que o cenário é positivo para a Alpine. Para ele, a equipe precisa estar pronta para aproveitar qualquer oportunidade que apareça com o caos que pode ser proporcionado pela combinação entre curvas rápidas e fechadas com os muros de proteção próximos à pista.

“É mais desafiador para todo mundo, e na posição em que estamos temos que aproveitar esses momentos desafiadores para tirar proveito”, comentou. “É uma corrida para todo mundo, vamos ficar focados, mas vai ser uma corrida exigente fisicamente, com o calor e tudo. E você comete um erro facilmente caso se distraia, então temos que encarar a corrida corretamente”, encerrou.

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar