F1

Ferrari dedica vitória “com gosto amargo” a mecânico atropelado no Bahrein: “Francesco, essa é para você”

O dia de vitória de Sebastian Vettel no Bahrein não foi só de alegrias para a Ferrari. A equipe viu Francesco, um dos mecânicos, ter a perna atropelada durante pit-stop de Kimi Räikkönen. Informações indicam fraturas na perna do funcionário

Warm Up / Redação GP, de Porto Alegre


O domingo (8) da Ferrari no Bahrein foi de alegria e tristeza. A equipe venceu com Sebastian Vettel, mas viu um mecânico ter a perna atropelada durante pit-stop de Kimi Räikkönen. Em um dia turbulento, a equipe italiana dedicou o triunfo a Francesco Cigarini, levado a um hospital de Sakhir para tratar fraturas nas pernas.
 
“Você sempre luta para vencer, mas nem todas as vitórias são iguais. Essa tem um gosto amargo”, afirmou a equipe através de comunicado. “Sebastian Vettel venceu pela segunda vez no segundo GP no ano, mas no momento os pensamentos de todos na equipe estão voltados ao mecânico machucado durante o pit-stop do Kimi Räikkönen”, seguiu a equipe. Räikkönen foi avisado que podia deixar o box enquanto mecânicos ainda tentavam trocar o pneu traseiro esquerdo, causando o incidente.
Kimi Räikkönen acertou mecânico durante parada no Bahrein (Foto: AFP)

“Bottas perseguiu Sebastian por 20 voltas, mas nosso piloto nunca deu espaço, mesmo com pneus acabados. A Ferrari é isso e, Francesco, essa é para você”, completou.
 
As informações iniciais indicam que Francesco Cigarini fraturou tanto a Tíbia quanto a Fíbula, os dois principais ossos da porção inferior de uma perna. Maiores informações a respeito de tempo de recuperação ainda não foram divulgadas.
 
O GP do Bahrein foi vencido por Vettel, que segurou Bottas nas últimas voltas com pneus muito deterioradas. A vitória aumenta a vantagem do alemão no Mundial de Pilotos e mantém a Ferrari na ponta do Mundial de Construtores.
 
CEDO DEMAIS?

ALONSO ENTRA NO ‘MODO EMPOLGOU’ ANTES DO TEMPO