Ferrari segue Mercedes e também marca teste privado com carro de 2018

Charles Leclerc e Sebastian Vettel terão um dia com a SF71H de 2018. A atividade, além de deixar a dupla afiada antes da temporada, ajuda a Ferrari a praticar novos procedimentos da FIA

A Fórmula 1 já tem data marcada para finalmente abrir a temporada 2020, em 5 de junho, e o momento é de preparação para equipe e pilotos. De acordo com a versão italiana do site ‘Motorsport.com’, a Ferrari vai realizar dia de testes privados em Fiorano. Com Charles Leclerc e Sebastian Vettel confirmados, a escuderia vai tirar a SF71H de 2018 do museu para completar as primeiras voltas desde a pré-temporada.

A abordagem da Ferrari é a mesma da Mercedes, que escolheu Silverstone para também completar voltas com o carro de 2018. A escuderia italiana vai usar a atividade em Fiorano, com duração de apenas um dia, para alcançar dois objetivos: reacostumar Leclerc e Vettel à pilotagem e treinar procedimentos determinados pela FIA para a nova realidade do coronavírus.

Sebastian Vettel vai se reencontrar com a Ferrari de 2018 (Foto: Ferrari)

O teste traz benefícios à Ferrari, mas não tem qualquer propósito do ponto de vista do desempenho. Além de o carro de 2018 ter pouco em comum com o de 2020, os pneus fornecidos pela Pirelli são de menor aderência, desenvolvidos especificamente para demonstrações ao público e dias de filmagem.

Foi com a SF71H que Vettel, mesmo vencendo cinco GPs, conseguiu seu segundo vice-campeonato seguido. Leclerc, por sua vez, terá o primeiro contato com o bólido. Em 2018, o monegasco ainda pilotava pela Sauber.

A temporada 2020 da F1 começa dentro de exatamente um mês, em 5 de julho. A categoria parte para o Red Bull Ring, que recebe dois GPs consecutivos. A categoria já confirmou as datas das oito primeiras provas, todas em solo europeu.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube