Force India tenta adiantar recebimento da premiação do Mundial de Construtores, mas Haas veta, diz jornal

Para dar uma folga no orçamento, a Force India queria receber a premiação referente ao quarto lugar no Mundial de Construtores com antecedência. Acontece que, na reunião que deveria aprovar o pedido, a Haas optou pelo veto

Já é comum ver a Force India pedindo adiantamento dos pagamentos referentes à premiação do Mundial de Construtores. A equipe, que se acostumou a trabalhar com orçamento apertado, usa o artifício para desenvolver seus novos modelos de F1 com uma folga na conta bancária. Para 2017, a história vai ser outra: de acordo com o jornal alemão ‘Auto Bild’, a Haas vetou a solicitação dos indianos.
 
“A Haas se recusou a aprovar o pagamento adiantado, apesar de que todas as outras equipes tenham autorizado”, apontou a publicação. É necessário que as equipes sejam unânimes para que uma decisão seja aprovada.
 
O adiantamento seria importante por um grande motivo: em janeiro, ao contrário dos outros 11 meses, as equipes não recebem o pagamento mensal da premiação, parcelado e distribuído ao longo do ano. Isso sufoca equipes menores justamente em um momento importante, quando o desenvolvimento dos carros está em sua fase final.
A Force India vai precisar se virar com o dinheiro que tem hoje (Foto: Force India)
A boa notícia é que a quantia que a Force India tem por receber em 2017 é particularmente grande. Por terminar 2016 em quarto no Mundial de Construtores, melhor resultado da equipe em sua história, o orçamento será ainda maior do que em temporadas anteriores, quando a esquadra pintava como quinta melhor.
 
A Force India vai para a próxima temporada com Sergio Pérez e Esteban Ocon formando a dupla de pilotos. O lançamento do VJM10 será em Silverstone, no dia 22 de fevereiro.
 
fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube