GP às 10: Decisão da Haas é erro estratégico grave. De Kubica, sensata

Manter Romain Grosjean e Kevin Magnussen para 2020 é um erro dos mais graves para uma Haas que começa a andar para trás. Isso enquanto Robert Kubica acerta ao desistir da Williams e da F1. Essa é a análise de Flavio Gomes

A Fórmula 1 teve dois anúncios importantes antes mesmo da ida dos carros à pista. A Haas abriu o dia confirmando a permanência de Romain Grosjean ao lado de Kevin Magnussen em 2020, enquanto Robert Kubica tomou a iniciativa de revelar que não deseja seguir na Williams. A primeira tem tudo para se provar um erro, enquanto a segunda foi o caminho certo a ser tomado – essa é a análise de Flavio Gomes no GP às 10 matinal desta sexta-feira (20).

Paddockast #33
10 ANOS DE SECA BRASILEIRA NA F1

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube