GP do Vietnã afirma “monitorar de perto” situação do coronavírus

O coronavírus tem sido alvo de grande preocupação dos organizadores das corridas asiáticas da Fórmula 1. Os promotores do GP do Vietnã, que entra no circuito nesta temporada, afirmaram estarem monitorando de perto toda a situação e evolução da doença. A prova está marcada para acontecer em abril

O coronavírus tem jogado uma luz de alerta em grande parte da Ásia. Os promotores do GP do Vietnã, que entra este ano no calendário da Fórmula 1, estão monitorando de perto a situação da doença e sua possível ameaça.
 
A prova inaugural no país está programada para acontecer em abril, no circuito de rua em Hanoi. O traçado não fica muito longe da fronteira norte com a China. Com isso, a ameaça do vírus coloca a disputa em atenção.
 
“Estamos ativamente monitorando a situação. Por agora, não antecipamos qualquer impacto significante em nosso evento em abril. Vamos seguir o trabalho com as autoridades para acompanhar a situação de perto”, afirmou um comunicado dos promotores ao site ‘RaceFans’.
A expectativa da organização do GP do Vietnã é que as instalações fiquem prontas em janeiro (Foto: F1/Twitter)
No último mês, a FIA informou que estava acompanhando de perto todo o caso do coronavírus, mas que, até o momento, não iria realizar nenhuma mudança em seus calendários.
 
Entretanto, a situação já mudou. A Fórmula E declarou no final de semana que vai adiar a data do eP de Sanya, que aconteceria no dia 21 de março. A categoria ainda não pensa no cancelamento, mas sim em uma nova data.
 
Os promotores do GP da China de Fórmula 1 também externaram sua preocupação com a situação da doença. Os organizadores da corrida chinesa estudam a possibilidade de trocar a data da prova para setembro, trocando de final de semana com o GP da Rússia.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube