Infeliz com desempenho, Kubica comemora ponto alto de 2019: “Cérebro reagiu”

Robert Kubica não está contente com a temporada dele no retorno à F1. De maneira geral, ao menos. O polonês está satisfeito com a forma como o cérebro reagiu aos desafios

Qual será o destino de Robert Kubica após o fim da temporada 2019 da Fórmula 1? O fato de que ele não ficará na Williams é um segredo a céu aberto, mas não há certeza sobre se o piloto polonês irá permanecer conectado de alguma forma à F1. Se por um lado o ano dele não foi aquilo que esperava, por outro há, sim, o que comemorar: os desafios do Mundial não soterraram o cérebro de Kubica, conforme ele garantiu nesta quinta-feira (14), durante entrevista coletiva em Interlagos. 
 
Num apanhado geral do ano, Kubica destacou como havia dúvida sobre a possibilidade dele voltar ao Mundial e o fato dos problemas terem impactado qualquer chance de mostrar serviço. 
 
"O ritmo geral está escondido pelo que passamos nesta temporada e muitas coisas não ajudaram e fizeram diferença no que eu sou capaz de fazer. Voltar à F1 é encarar a cobrança de maior nível do esporte a motor depois de muito tempo e com minhas limitações. Muita gente não achava que eu seria capaz de correr aqui. Tenho muitas histórias sobre gente me dizendo que eu não seria capaz de reagir às situações", contou.
Robert Kubica (Foto: Williams)
"Provavelmente as primeiras voltas das corridas foram um ponto com o qual eu tive problemas ao longo da temporada. Ouvi rumores de que eu não correria em Mônaco, e provavelmente Mônaco não foi um das minhas melhores corridas, ainda estava encontrando o esquema", falou.
 
Mas há coisa boa para destacar. As exigências da F1 não sufocaram o veterano. 
 
"Claro que não estou contente com a performance geral, mas estou feliz com o quão rápido meu cérebro reagiu aos desafios complicados que tive no ano", encerrou. 

Hamilton chega ao Brasil já com o título de 2019 confirmado. Sem muito em jogo, Lewis busca a terceira vitória em Interlagos. A etapa tem cobertura IN LOCO do GRANDE PRÊMIO com os jornalistas Evelyn Guimarães, Felipe Noronha, Fernando Silva, Flavio Gomes, Gabriel Carvalho, Gabriel Curty e Pedro Henrique Marum, e o fotógrafo Rodrigo Berton. Acompanhe todo o noticiário aqui e tudo dos bastidores e das atividades em pista AO VIVO e em TEMPO REAL.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar