F1

Leclerc vibra com estreia “emocionante” pela Ferrari: “Um dia que esperava há muito tempo”

Charles Leclerc fez sua estreia como piloto oficial nesta quarta-feira (28), no segundo dia de testes coletivos da F1 em Abu Dhabi. Um dia especial e emocionante para o monegasco, que já não vê a hora de 2019 começar pra valer
Warm Up / Redação GP, de Sumaré

A tão aguardada de Charles Leclerc como piloto titular da Ferrari aconteceu nesta quarta-feira (28), dia em que a F1 realizou o segundo e último dia de testes coletivos em Abu Dhabi. O monegasco, de apenas 21 anos, teve a primeira chance de ver o #16 estampado no carro vermelho de Maranello em Yas Marina e fez bonito, registrando o melhor tempo de toda a sessão, superando inclusive seu novo companheiro de equipe, o tetracampeão Sebastian Vettel.
 
Ao todo, Charles completou um total de 135 voltas e marcou 1min36s450 na melhor delas, fazendo uso do chamado Composto 5, nomenclatura utilizada pela Pirelli para os pneus hipermacios desenvolvidos para 2019. O tempo estabelecido por Vettel na última terça-feira, 1min36s812, foi com os hipermacios deste ano.
Charles Leclerc se emocionou ao guiar pela Ferrari pela primeira vez como titular (Foto: Sky Sports/Twitter)
Ao fim das atividades de pista, que marcaram o desfecho dos trabalhos da F1 em 2018, Leclerc não escondeu o sentimento por ver seu nome estampado no carro da lendária equipe italiana.
 
“Claro que foi emocionante. Porque pilotar uma Ferrari é especial e porque era um dia que estava esperando há muito tempo sem ter a certeza se um dia isso iria acontecer”, destacou o jovem piloto, que foi um dos destaques de 2018 correndo pela Sauber.
 
A respeito do cronograma estabelecido pela Ferrari ao longo do dia, Charles comemorou por não ter enfrentado problemas. “Estou satisfeito com isso e com o trabalho que fizemos. Todo o nosso programa foi baseado na comparação de testes entre os pneus deste ano e do ano que vem”.
 
“Para mim, foi importante porque eu também pude conhecer melhor a equipe, ainda que ele não sejam estranhos para mim, levando em conta minha época na Academia de Pilotos da Ferrari”, salientou o piloto, já em busca da adaptação o mais rápido possível à nova casa.
 
“Ao longo das próximas semanas, vou trabalhar para estar na melhor forma possível e aprender com todos na equipe e meu companheiro. Mal posso esperar para a próxima temporada começar”, concluiu.