Hamilton celebra W15 “mais agradável”, mas pondera: “Temos progresso a fazer”

Responsável por levar o W15 à pista durante o segundo dia de testes de pré-temporada da F1, Lewis Hamilton comemorou as evoluções que já conseguiu perceber no carro da Mercedes

Embarcando em sua última temporada com a Mercedes em 2024, Lewis Hamilton foi escalado para ocupar o cockpit do W15 ao longo de todo o segundo dia dos testes de pré-temporada da Fórmula 1, no Bahrein, nesta quinta-feira (22). Após os elogios de George Russell na última quarta, o heptacampeão também comemorou os avanços vistos no novo carro, mas garantiu que ainda há “progresso a fazer”.

Nesta quinta, o dono do carro #44 completou um total de 123 voltas — apenas Sergio Pérez fez mais, com 128 giros — e teve 1min31s066 como melhor tempo, o suficiente para terminar na terceira posição. Apenas Carlos Sainz, da Ferrari, e o mexicano da Red Bull encerraram as atividades na frente, como primeiro e segundo, respectivamente.

Após o fim do segundo dia de testes, Hamilton foi questionado sobre as primeiras impressões do bólido do time de Brackley. “Foi um dia produtivo”, começou. “Reunimos muito aprendizado sobre o W15, tanto em nosso trabalho de ritmo de corrida quanto no de volta única”, continuou.

“Claramente fizemos uma melhoria no carro deste ano”, elogiou Hamilton. “Ele é muito mais agradável de pilotar [do que o W14]”, garantiu o heptacampeão mundial.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Lewis Hamilton aprovou melhorias feitas no W15 (Foto: Mercedes)

O piloto de Stevenage aproveitou para agradecer aos engenheiros por todo o trabalho dedicado ao desenvolvimento do W15 para este ano. “Um grande obrigado a todos em Brackley e Brixworth pelos esforços que fizeram no ano passado. Estou muito grato por todo o trabalho árduo”, celebrou.

Mesmo otimista com as mudanças, Hamilton sabe que ainda há um longo caminho a percorrer. “Ainda temos progresso a fazer, é claro”, alertou. “Mas temos uma boa base para construirmos”, reconheceu.

“Vamos manter a concentração e continuar trabalhando para encontrar evoluções, tanto durante o resto dos testes quanto na próxima semana”, garantiu Hamilton. “Estou ansioso para voltar ao carro amanhã e continuar esse aprendizado”, finalizou.

Lewis Hamilton durante o segundo dia de testes no Bahrein (Foto: Mercedes)

O britânico ainda retorna às pistas para o último dia de pré-temporada durante o turno matutino. Russell assume o W15 à tarde para encerrar o período de testes coletivos da Fórmula 1.

O terceiro dia de testes será nesta sexta-feira, às 4h (de Brasília), com transmissão da F1 TV e cobertura completa do GRANDE PRÊMIO, com a análise do Briefing após cada dia de atividade. As sessões vão de 4h (em Brasília) até 13h, com intervalo das 9h às 10h.

Chamada Chefão GP Chamada Chefão GP 🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias da Fórmula 1 direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.