Massa alerta para risco de acidente e pede que GP dos EUA não aconteça em condições similares à classificação

Felipe Massa se mostrou muito preocupado com as condições da pista de Austin depois de enfrentar um Q2 muito difícil nesta manhã. Talvez por ver passar em sua mente o filme do trágico e fatal acidente sofrido pelo amigo Jules Bianchi, o brasileiro clamou à FIA que não vá adiante com a corrida caso a situação climática seja a mesma do treino classificatório

Há pouco mais de um ano, a F1 viveu um drama que se converteu na primeira morte de um piloto desde o acidente fatal sofrido por Ayrton Senna em 1994. O GP do Japão de 2014, marcado por fortíssimas chuvas em todo o fim de semana em Suzuka, marcou a terrível batida de Jules Bianchi, que nove meses depois não resistiu aos ferimentos e morreu em julho deste ano. Felipe Massa não quer ver a repetição do que aconteceu no Japão e se mostrou muito preocupado com a possível realização do GP dos Estados Unidos, neste domingo (25), caso as condições no período da tarde em Austin sejam as mesmas que o piloto enfrentou no Q2.
 
Sétimo colocado no grid de largada da 16ª etapa do Mundial de F1 em 2015, Massa se mostrou muito irritado com a postura da FIA, que decidiu ir adiante com o Q2 mesmo com uma nítida piora da pista, deixando os pilotos com muitas dificuldades e em situação muito temerária.
Massa está bem preocupado com a segurança dos pilotos caso a corrida vá adiante em Austin (Foto: Williams)
“O Q2 foi muito perigoso. Quase rodei várias vezes e era muito fácil bater. Definitivamente, eles arriscaram um pouco demais”, declarou o piloto da Williams em entrevista coletiva logo após o treino classificatório, que foi encerrado antes da realização do Q3, já que a direção de prova entendeu que não havia mesmo a menor condição para a prática do automobilismo.
 
“Eu já tinha dito ontem que não entendo o motivo de eles não darem bandeira vermelha no treino, era impossível guiar no final”, lembrou Felipe, fazendo menção ao terceiro treino livre, ocorrido pela manhã de sábado, em condições semelhantes devido à forte chuva no Circuito das Américas.
 
Massa torce para que a FIA tenha uma postura diferente e não siga adiante com a corrida se as condições forem as mesmas enfrentadas mais cedo neste domingo. “Hoje, sinceramente, eu espero que eles não considerem fazer a mesma coisa na corrida. Caso contrário, podemos ter um grave acidente”, alertou.
VIU ESSA? O POLÊMICO INCIDENTE ENTRE ROSSI E MÁRQUEZ NA MOTOGP

determinarTipoPlayer(“15655524”, “2”, “0”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube