McLaren critica invasão de fiscal com extintor na pista em Sakhir: “Jamais deveria acontecer”

Andreas Seidl, chefe da equipe, ainda ressaltou que vai ser necessário discutir junto com a FIA as causas do incidente durante o GP do Bahrein

A McLaren não ficou nada satisfeita ao presenciar um fiscal na pista durante o GP do Bahrein. Andreas Seidl, chefe da equipe, afirmou que ter uma pessoa no traçado enquanto carros passavam era a última coisa que imaginaria ver.

Nas últimas voltas da prova em Sakhir, Sergio Pérez se viu obrigado a abandonar quando estava na terceira colocação por problemas em seu carro. A Racing Point do mexicano começou a soltar fogo da parte traseira, obrigando o piloto a parar na área de escape.

Acontece que um fiscal de pista acabou cruzando o traçado com um extintor de incêndio bem no momento em que Lando Norris se aproximava, causando reação de surpresa no inglês. “Tem um cara atravessando a merda da pista, é o cara mais corajoso que já vi”, disse no rádio para a equipe. “Ou o mais irresponsável”, respondeu seu engenheiro.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Sobre o episódio, o dirigente afirmou que “claro que é preocupante escutar um comentário como esse vindo de Lando no rádio. E claramente é algo que jamais deveria acontecer. Mas acredito também que é importante discutir a portas fechadas, junto com a FIA.”

“Tenho certeza de que Michael está fazendo isso com a informação que nos pedirá e com todos os dados que tem. Estou seguro de que tirarão as conclusões corretar e seguiremos trabalhando juntos para melhorar a segurança de nossos pilotos e de todos os comissários nas pistas de todo o mundo”, completou.

A Fórmula 1 protagonizou no passado um acidente fatal envolvendo um piloto e um comissário com um extintor de incêndio. No GP da África do Sul de 1977, Tom Pryce atropelou um fiscal que atravessava a pista, sendo golpeado na cabeça pelo objeto e morrendo no local.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube