F1

McLaren segue Ferrari e assina com British American Tobacco para divulgar “produtos de risco reduzido”

Assim como Ferrari e Philip Morris, através da marca Mission Winnow, a McLaren também vai divulgar um novo estilo de produtos tabagistas. A equipe fechou patrocínio com a British American Tobacco, que sustentou a BAR na F1 entre 1999 e 2005
Grande Prêmio / Redação GP, de Berlim
 Stoffel Vandoorne (Foto: McLaren)
A McLaren volta a ter o patrocínio de uma companhia tabagista. A equipe britânica anunciou nesta segunda-feira (11) o início da parceria com a British American Tobacco, dona de marcas como Lucky Strike, Benson & Hedges e Rothmans, todas famosas para o público da Fórmula 1. Mas nenhuma delas será estampada no novo carro da McLaren: o objetivo do patrocínio é expor apenas produtos considerados de “risco reduzido”.
 
O vínculo segue a mesma linha do traçado entre Ferrari e Philip Morris, novamente presente no carro italiano através da marca Mission Winnow. As duas companhias de cigarro voltam a se manifestar na F1, mas agora com abordagem distinta da vista em décadas anteriores.
 
“Estamos extremamente orgulhosos e animados com essa nova parceria, permitindo que a gente acelere ainda mais nosso ritmo de inovação e transformação”, disse Kingsley Wheaton, chefe de marketing da BAT. “Isso é uma verdadeira plataforma global, com a qual queremos expandir nossos produtos de risco reduzido. No fim das contas, inovação e tecnologia vão nos ajudar a criar um amanhã melhor para nossos clientes ao redor do mundo”, continuou.
A British American Tobacco esteve por trás da BAR na F1 (Foto: Getty Images)
A BAT é velha conhecida da F1. Entre 1999 e 2005, a companhia sustentou a BAR – British American Racing –, que precisou deixar a categoria conforme as legislações antitabagismo se tornaram mais intensas.
 
A McLaren, por sua vez, também volta a ter patrocínio de uma companhia de cigarros. A última vez que um carro de Woking apareceu com marca ligada ao tabagismo foi em 2005, com a West. Antes disso, os britânicos também tiveram relação icônica com a Marlboro, durando entre 1974 e 1996.
 
O novo carro da McLaren, já com o patrocínio da BAT, tem lançamento marcado para 14 de fevereiro.