Na Garagem: Briga de Piquet com Salazar esconde problemas do motor BMW

O motor BMW não levaria Nelson Piquet até o fim do GP da Alemanha, mas o vexame em casa foi poupado à montadora alemã quando o chileno Eliseo Salazar tirou o brasileiro da disputa. As cenas seguintes são bastante famosas

Quem nunca viu Nelson Piquet trocando socos com Eliseo Salazar? A briga mais famosa da história da F1 esconde por trás o inevitável abandono do brasileiro no GP da Alemanha de 1982, realizado há exatos 34 anos.

 
Nas longas retas de Hockenheim, os carros que tinham motores turbo naturalmente prevaleceram no treino classificatório. Didier Pironi fez a pole de Ferrari, seguido pelos compatriotas Alain Prost e René Arnoux, ambos da Renault. Piquet saiu em quarto, e a terceira fila teve Patrick Tambay na outra Ferrari e Riccardo Patrese na outra Brabham-BMW. O melhor piloto com um motor aspirado era Michele Alboreto, da Tyrrell Ford.
Nelson Piquet no GP da Alemanha de 1982 (Foto: Rainer Kurz/Forix)

           
    google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
    google_ad_slot = “5708856992”;
    google_ad_width = 336;
    google_ad_height = 280;

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 1
,components : { mute: {delay :3}, skip: {delay :3} }
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

Pironi, entretanto, não largou: ele sofreu um forte acidente no warm-up, na chuva, e fraturou as duas pernas. Assim, a pole-position ficou vazia na hora da corrida. O líder do campeonato não voltou a correr na F1.

 
Piquet partiu para a ofensiva logo cedo. Ganhou uma posição na primeira volta e passou Arnoux na segunda para assumir a liderança. Foi abrindo e começou a chegar nos retardatários, e foi quando o destino da corrida mudou, com o enrosco com Salazar.
 
A cena da troca de socos é cômica, ainda mais quando se pensa que por mais força que Piquet possa ter colocado nos punhos, o capacete é projetado para resistir a impactos muito mais violentos. Ou seja, Salazar nada sentiu.
 
Nos boxes, depois de analisar o carro, os chefes da BMW ficaram gratos — como Piquet ficou sabendo tempos mais tarde. O motor do carro #1 não resistiria mais cinco voltas. Assim, o vexame de perder uma corrida em casa por falta de confiabilidade foi substituído por uma cena com um claro culpado: o lento chileno da nanica ATS. Como não compreender a ira de Piquet? Uma vitória o colocaria na briga pelo título.
 
A corrida terminou com a primeira vitória de Tambay na F1, derrotando a Renault de Arnoux. Keke Rosberg completou o pódio.
Piquet parte para cima de Salazar depois do toque que lhe tirou a vitória na Alemanha (Foto: Reprodução)
PADDOCK GP #40 RECEBE SÉRGIO JIMENEZ

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)<0?n+="px":n,cc.style.display="",s2.width=n,window.frameElement&&(s1.height=c2.offsetHeight+5+"px"),t=500,s1.width="100%"}rs(t)},200)}var c1=window.frameElement?window.frameElement:document.getElementById("crt_ftr"),c2=document.getElementById("crt_ftr"),s1=c1.style;s1.position="fixed",s1.bottom="-4px",s1.left="0px",window.frameElement&&(s1.height="0"),c2.style.textAlign="center",s1.zIndex="60000";var cc=document.getElementById("crt_cls"),s2=cc.parentNode.style;cc.onclick=function(){s1.display="none"};var t=0;rs(0);

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth < 970) ? 302357 : 302359;
document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube