Na Haas em 2020, Grosjean foca em usar experiência para superar “nossos desafios”

O contrato renovado de Romain Grosjean para 2020 traz a felicidade de seguir na Haas e na Fórmula 1, mas traz um desafio a ser superado. Tomando o bom 2018 como referência, o francês quer apagar a impressão negativa de 2019

Romain Grosjean, de contrato renovado com a Haas para a temporada 2020 da Fórmula 1, tem todos os motivos para estar animado. O francês não só garantiu permanência no grid por mais um ano, como também conseguiu fazê-lo com uma equipe com a qual se identificou. Em um ambiente que agrada, Grosjean agora pensa em como transformar a experiência de um 2019 decepcionante em um 2020 de maior sucesso.
 
“Eu sempre disse que meu desejo era continuar com a Haas e seguir construindo em cima das conquistas da equipe”, disse Grosjean ao ser anunciado. “Estando aqui desde o começo e vendo o trabalho que o Gene Haas [dono] e o Guenther Steiner [chefe] fizeram para tornar a equipe competitiva, é natural que eu esteja muito feliz por continuar fazendo parte disso”, apontou.
 
Grosjean já ajudou a Haas a terminar o Mundial de Construtores de 2018 em quinto, melhor resultado da equipe em três anos de F1. Em 2019, por conta de um ano abaixo da média tanto para o francês quanto para o carro VF-19, o que se vê até aqui é uma queda para nono. Resta usar o exemplo do ano anterior como referência para o próximo.
Romain Grosjean está de contrato renovado com a Haas (Foto: Beto Issa)

“Terminar o Mundial de Construtores do ano passado em quinto, somente no terceiro ano da equipe, foi algo muito especial. Nós tivemos nossos desafios nessa temporada, mas vamos usar tanto a experiência do ano passado quanto a desse ano para ir em frente em 2020. Fico empolgado por trabalhar com o Kevin [Magnussen] e a equipe inteira na nossa jornada”, encerrou.

 
Grosjean é 17º no Mundial de Pilotos, somando apenas 8 pontos até aqui. Considerando temporadas completas, a atual é a segunda pior da carreira do francês na F1, superando apenas 2014.
 
Grosjean e Kevin Magnussen já estão em Singapura. O país asiático recebe a Fórmula 1 neste fim de semana.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube