Novo surto de Covid-19 atinge Espanha, e F1 cogita terceira corrida em Silverstone

Espanha sofre com maior número de casos novos do coronavírus desde abril. Fórmula 1 monitora a situação e cogita realizar terceira corrida em Silverstone

Um novo surto de coronavírus coloca a realização do GP da Espanha, marcado para acontecer em 16 de agosto, em risco. Segundo reportagem do site da revista alemã Auto Motor und Sport, a Fórmula 1 monitora a situação e pode agendar uma terceira corrida em Silverstone, na Inglaterra, na mesma data.

Os dados da OMS para a Espanha apontam 264.836 casos de Covid-19, sendo 4.581 deles nas últimas 24 horas. É o dia com mais infecções desde 10 de abril. A região da Catalunha, onde o circuito se situa, é a que mais sofre da nova onda. Autoridades locais exigiram fechamentos de clubes, cinemas e academias.

Silverstone receberá as próximas duas corridas da Fórmula 1, nos dias 2 e 9 de agosto. Uma é o tradicional GP da Inglaterra, enquanto a outra etapa recebe a nomenclatura de GP do Aniversário de 70 anos.

Barcelona recebe a F1 desde 1991 (Foto: Renault)

Hockenheim, na Alemanha, também surge como uma candidata a substituir Barcelona, mas problemas logísticos para a transmissão prejudicam. A pista alemã negocia para fazer parte do calendário ainda em 2020 junto do circuito de Portimão, em Portugal, e Ímola, na Itália. As praças pretendem ocupar datas no mês de outubro, após o GP da Rússia.

Nada foi mencionado a respeito da trinca americana formada por México, Estados Unidos e Brasil. A F1 continua conversando para a realização do GP do Vietnã. O cancelamento do GP da China é iminente após o governo impedir a realização de todos os eventos esportivos internacionais. A categoria até cogita uma prova na Malásia, ausente desde 2017, para compensar.

Apesar de não ser anunciado, a Fórmula 1 pretende encerrar a temporada 2020 no Oriente Médio, com corridas no Bahrein e Abu Dhabi.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube