Pérez se diz frustrado por falta de resultados, mas ignora críticas: "Não estou aqui para ser popular"

Sergio Pérez afirmou que se sente frustrado com a falta de resultados com a McLaren nesta temporada e se queixou do fraco pacote aerodinâmico da equipe e dos problemas apresentados pelo túnel de vento

Sergio Pérez admitiu que a falta de resultados até agora com a McLaren é frustrante. O mexicano vive um início de vida na equipe inglesa difícil e, em sete provas disputadas até o momento, completou apenas três no top-10, somando somente 12 pontos no campeonato. Além disso, Pérez também se envolveu em polêmicas por conta do estilo agressivo nas disputas de posição.

Depois de bater roda com o próprio companheiro de equipe, Jenson Button, no Bahrein, Sergio provocou a ira de Kimi Räikkönen e Fernando Alonso durante o GP de Mônaco, onde brigou por posições com os dois campeões e acabou provocando um toque com o finlandês da Lotus.

Sergio Pérez ignora críticas sobre seu desempenho (Foto: Getty Images)

Apesar do começo complicado, o piloto de 23 anos garantiu que confia em sua pilotagem e que não se sente pressionado por contas das críticas sobre seu desempenho. "Eu me sinto frustrado, mas sinto que minha performance com a McLaren tem sido boa", disse em entrevista à ESPN.

"Eu tenho total apoio da minha equipe, e isso é muito importante. Sobre as críticas, eu acredito que todo mundo tem seu próprio ponto de vista. Não estou aqui para ser popular, para que todos gostem de mim, estou na F1 para defender a minha equipe, qualquer que seja ela, e se isso provoca críticas eu não importo", completou.

Pérez, entretanto, reservou queixas ao falar do atual carro britânico. O mexicano listou o pacote aerodinâmico da McLaren com um dos problemas para a má performance e disse que o carro contradiz os dados coletados na pista.

"Acredito que o problema principal e que tem causado esses resultados é o desempenho do carro. Em termos de aerodinâmica, temos bem menos que o esperado, temos um problema no túnel de vento. O túnel de vento diz uma coisa, mas a realidade é bem diferente na pista, por isso é difícil trabalhar assim", afirmou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube